Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. Nada ser sendo tudo

. Viagens

. No curso disseram que tud...

. Tempo ao tempo

. O tempo certo

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links


Quinta-feira, 20 de Dezembro de 2012

Nada ser sendo tudo

udo tem uma hora própria

 No tempo sem tempo

 No dia sem dias.

Tudo tem uma oportunidade especial

 Tudo se desenrola em lugar especial

Mas não é assim

 Porque tudo é criado pela ilusão

 Pela aparência que desejamos nas coisas

E isto representa

Um nível consciencial

Sair da ilusão para a verdade

É viver em realidade de nada desejar

 Nada querer

E nada ser sendo

 Tudo

 - O infinitamente ser.


publicado por eva às 00:37

link do post | comentar | favorito

Domingo, 27 de Maio de 2012

Viagens

ontato para te dizer

Adeus!

Tenho que apanhar a onda

De energia

Tenho que chegar ao canal

No tempo certo

Do tempo sem tempo

Do lugar sem espaço

E sinto que vou tarde

Que vivi demais do tempo

Muitos anos passaram

Sem saber como

Sem avaliar bem os porquês.

Adeus,

Vou indo

Já estou na era sem tempo

E percebo os amigos

Que foram antes de mim

Já percebo o próximo trabalho

Vou andando

Vou voando

Adeus!


publicado por eva às 12:42

link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 3 de Maio de 2012

No curso disseram que tudo está certo

- i, vou indo…

- Já estás atrasada?

- Nada, não. Que avisaram que tudo acontece no tempo certo e o principal é estar equilibrado, de bom humor e em harmonia.

- Hã? Estás é atrasada, isso sim!

- Nada, não. Se tudo está certo então também está certo eu dormir mais um pouquinho e levantar-me quando acordo realmente e não quando o despertador toca. Aliás, já o desliguei para sempre.

- Mas…

- ‘Tou aprendendo muito naquele curso de energias, ‘tou, ó se ‘tou!

- Já chegaste? Que cara é essa?

- Descontaram as horas que cheguei atrasada!

- Então, pois se estava combinado…

- Mas no curso disseram que tudo está certo!

- Parece que se referiam às energias de cada um no corpo de cada um. Se não querias andar a correr para cumprir os teus compromissos tinhas que te levantar mais cedo, isso sim!

- Não entendi nada disso.

- Então vai lá perguntar…

- Já acabou! O curso era só um dia, para aplicar e perguntar dúvidas não era possível.

- Liga para lá ou faz um mail e verás que te respondem e esclarecem.

- Ohhh!


publicado por eva às 00:30

link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 22 de Novembro de 2011

Tempo ao tempo

- i, oiiii!!!-

- Olá, bom dia!

- Oi!

- ‘Tás bom?

- Oi!

- Onde está a tua mãe? Ah! É a avó!

- Oi!

- Pequenino, tens que ir com tua avó. Eu só agora cheguei.

- Oi!

- Está bem, vamos ao colo ver onde vamos ficar.

- Oi!

- Gostas? É tudo novidade, não é? Pois, as coisas novas, ou os lugares novos, dão boas sensações, sensação de renovar, não é pequenino?

- Oh! Ele gosta muito de ver e perceber tudo. Apenas não fala mais nada….

- Não se preocupe, tudo tem uma razão de ser, vamos dar-lhe tempo.

- Isso, tempo ao tempo….


publicado por eva às 18:02

link do post | comentar | favorito

Sábado, 18 de Dezembro de 2010

O tempo certo

ush e Mimi estão a passear no relvado com a pachorrentice própria de tartarugas fora de água.

Vão esticando o pescoço estilo olho de submarino a querer ver a superfície.

Sentem-no mas não o vêem e por isso movem-se ainda mais lentamente.

E Miau espreita, efectivamente, como uma estátua muito perto delas.

Acho que nem respira, só as olha tão espantado como elas estariam se pudessem vê-lo.

Mas ele fixou-se como se fizesse parte da paisagem desde sempre, completamente imóvel por baixo do banco de pedra do jardim.

Elas vão andando no seu passeio da tarde, nem muito juntas nem muito afastadas. Hush vai espreitando melhor as redondezas e vigiando Mimi, mais pequena e entusiasmada.

E… dá olho no olho dele. Pára, quedo também, nem se mete na carapaça. Nem acredita que se possa ter aproximado tanto daquele bicho que actua com as garras com habilidade fantástica. De soslaio, sem mover a cabeça consegue vislumbrar Mimi já a passar da relva para o empedrado.

Olho no olho outra vez. Mas porque o gato não o ataca ou à Mimi?

Olho no olho percebe o medo que provoca no Miau. Então é isso!

Ele, tão hábil, não percebe que são simples tartarugas que nem conseguem mexer-se bem com uma carapaça tão forte e pesada, como o abrigo seguro que esta é quando o necessitam.

Algum, deles dois, vai ter que se mexer, mas por ora mais vale deixar Mimi brincar livremente no jardim, entre a pedra e a relva. Ela adora aquilo! E assim que se cansar vai a correr para o seu lago e refresca, mergulha e fica a nadar o resto do dia.

É só esperar que o ambiente mude, então ele enfia-se na carapaça ou vai recuando até ao seu querido lago.

É só esperar atentamente por algum indício de mudança… ou muda-se ele, Hush, quando o tempo certo chegar!

É só esperar o tempo certo para a mudança e aproveitar bem a oportunidade.

 


publicado por eva às 00:35

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito


. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds