Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. Viver vivendo

. Entre uns e outros

. Sentir-se vivo

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links


Domingo, 11 de Setembro de 2011

Viver vivendo

ndar em grupo. Andar sozinho.

Andar, caminhar, viver, sobreviver

Visitar, viajar, passear, sair, ficar

Viver vivendo. Viver sobrevivendo

Andar em grupo. Andar sozinho.

Vida, dezenas e dezenas de anos

Crescimento, desenvolvimento e declínio

Amadurecimento de vidas numa só

Andar em grupo. Andar sozinho.

Viver amando, harmonizando

Tudo e todos com sua presença

Transmitindo paz, sabedoria

Em qualquer circunstância

Seja em grupo, seja sozinho.


publicado por eva às 00:36

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Quarta-feira, 7 de Setembro de 2011

Entre uns e outros

oje, se calhar como sempre, estamos que não estamos nem deixamos de estar.

Percorremos a vida como se caminhássemos em cima de uma linha.

Vamos gozando ou chorando, impacientes ou passivamente.

Mas o hoje e agora também passa à velocidade do relâmpago. E o que poderíamos ter de melhor, na mor das vezes, nem damos conta.

Parece que uns só esperam o horror, a infelicidade. Outros reúnem seus esforços para inquietar os demais.

Entre uns e outros, nesse torvelinho de emoções e sentimentos, nessa mistura de quereres tão dissonantes, vamos sobrevivendo.

Mas não vivendo.

O mundo é um palco de ilusões, os inimigos e os amigos ora o são ora trocam de papéis.

E nós?

Nós podemos deixar ser tolhidos pelo medo e pela desgraça ou seguir.

Seguindo devagar ou desvairadamente em fuga.

Seguindo em frente, em resumo, ao ritmo que formos capazes de imprimir a nós mesmos.

- Eis o tema para este semestre. Bom trabalho.


publicado por eva às 00:38

link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 26 de Abril de 2007

Sentir-se vivo

26 de abril de 2007

Um homem ainda novo, mas de aspecto envelhecido para a idade, está numa mesa de café a escrever num caderninho.
Já foi muito na vida, já perdeu tudo, foi alcoólico e, hoje, está mais ou menos equilibrado e mais ou menos pobre.
Tempo não lhe falta, apenas lhe faz falta, isso sim, o trabalho.
Cabelos brancos a aparecerem e já não serve para o trabalhar porque, pelo mesmo ordenado, há mais jovens e mais bem parecidos.
Resta-lhe o tempo do café e um vício que a saúde lhe permite: o escrever.
Escreve sobre tudo e sobre todos.
Agora, que parece preparar-se para cair um aguaceiro, retiram as mesas do café e ele ficou na mesma, cá fora, tentando ainda empoleirar-se num murete.
Conseguiu e lá tira do bolso o caderninho mais a esferográfica, para recomeçar a escrever.
Pelo menos está entretido e qualquer dia já consegue ler o que escreveu, a quem dele se abeirar.
Os assuntos são variados porque mistura o movimento de rua com as lembranças de muitos anos, todos aqueles em que nada escreveu.
- Assim sendo, até tu deves estar retratada naquelas linhas.
- E depois? Quem escreve é porque se sente vivo. Ou não é?

publicado por eva às 09:29

link do post | comentar | favorito


. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds