Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. Pormenores

. Tudo o que desejava

. Antoine de Saint-Exupéry ...

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links


Sexta-feira, 6 de Fevereiro de 2009

Pormenores

Ursos de peluche que nos olham fixamente. Sons de flauta de bambu. Um Sol pálido que nos ilumina.
Eis o enquadramento para o trabalho que desenvolvemos, um pouco a cada dia.
É um trabalho que se faz e nunca se dá por acabado, porque há sempre mais para fazer.
E porque o que se faz com devoção também não cansa - pelo contrário - junta-se à impressão de utilidade.
É bom sentirmo-nos úteis. E, às vezes, somos úteis em pormenores insignificantes.
Os pormenores que parecem insignificantes são, muitas vezes, os que têm a importância toda.
A nossa vida decide-se em pormenores e, mesmo os mais racionais, continuam a ser pormenores no todo da vivência.
- Às vezes é conveniente um afastamento de nós connosco, não é?
- Pois, senão não entendemos a conjuntura e, além disso, os pormenores podem fazer a qualidade manifestar-se, ou não.

.
.
.

Ursula McCannell - A Flauta Mágica
Imagem retirada da net

.
.

Disse  Antoine de Saint-Exupéry:  Se atraiçoas a tua vocação, é a ti que desfiguras !
.
.

publicado por eva às 00:05

link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 19 de Janeiro de 2009

Tudo o que desejava

Ele sonhava e sorria a dormir. Sonhava que era feliz, que já tinha a sua nova casa – a casa dos seus sonhos.
Via o muro, o letreiro com o nome, as flores já plantadas e que apenas bordejavam os muros.
Também se via a trabalhar - entre o recortar das sebes e arbustos ou o arranjar dos telheiros de madeira para as sombras de Verão.
Enfim, tudo o que desejava, estava ali em sonhos, tão simples e tão difíceis de tornar realidade.
O despertador tocou em boa hora, porque sonhar o dia todo seria inútil.
Os sonhos e os bons desejos devem ser equilibrados senão os problemas de adaptação à realidade serão mais que muitos.
Os jovens que são habituados, pelos pais e amigos, a ter o que querem, do melhor e mais moderno, não lhes facilita a visão de que tudo deve ser equilibrado.
Que se deve ter o que se precisa e não ter por concorrência entre outros ou por gostos ambíguos.
As desadaptações, individuais e sociais, têm relação intrínseca com os hábitos e desejos desnecessários e viciosos que se vão alicerçando no quotidiano de cada um, perfazendo o seu tipo de vida.
- Ohh, eu também sou assim. Gosto tanto de ter tudo o que vejo e que acho bonito.
- Tudo?
- Tudo. Mas reconheço que nem vivendo o dobro eu conseguiria usar as coisas. É a superficialidade e o deslumbramento de cada um.
- E talvez os exageros por si mesmo…

.
.
.

A Roda da Fortuna
Imagem retirada da net

.
.

Disse  Antoine de Saint-Exupéry:  Onde os bens são em maior número, oferecem-se aos homens mais possibilidades de se enganarem quanto à natureza das suas alegrias !

.
.


publicado por eva às 00:21

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Domingo, 4 de Fevereiro de 2007

Antoine de Saint-Exupéry (Tonio) "O essencial" - um dos conceitos de O Principezinho

4 de fevereiro de 2007
.

.
Apenas se vê bem com o coração.

O essencial é invisível aos olhos.


.in "O Principezinho"

de Antoine de Saint-Exupéry

.

publicado por eva às 19:56

link do post | comentar | favorito


. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds