Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. Família é reunião por amo...

. Piqueniques

. Reuniões

. Sítios

. Festas e lanches

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links


Sexta-feira, 24 de Junho de 2011

Família é reunião por amor

euniões.

De pessoas, de papéis ou de documentos de vária ordem, de informações, tarefas, etc.

Reuniões para divertimento ou para trabalho.

Reuniões são geralmente para tratar em comum de assuntos que interessam.

As famílias não deveriam esquecer disto.

A família reúne membros em relações de amor e deveriam evoluir em conjunto ainda mais que individualmente.

Família, célula humana de um lar, deve ser o émulo para melhor progresso, sendo o amparo uns dos outros.

Família é reunião por amor, dedicação, e…

- E se não for?

- Não se formou uma família. Juntaram-se pessoas e fizeram-se nascer outros sob o denominador comum de nome e alguma herança genética.

 


publicado por eva às 00:39

link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 11 de Janeiro de 2010

Piqueniques

qui está um bom sítio para ficarmos e comermos qualquer coisa.

Antigamente chamava-se a isto fazer um piquenique. Reuniam-se famílias e amigos com frequência, levavam algo para comer e depois sentavam-se todos, conforme podiam, partilhando da mesma mesa, que é como quem diz da mesma toalha no chão e da comida entre todos e as conversas lá se iam formando.
As crianças depois iam correr livremente e brincar. Os jovens começavam muitos namoros e outros refugiavam-se para namoriscar mais à vontade. Os mais velhos ficavam por ali, dividindo-se em grupos de homens e de mulheres.
Foram hábitos de reunião que se perderam com os tempos…
- Com os dias, porque isso não tem muitos anos…
- Talvez, mas para mim é quase uma vida. Só me lembro disto enquanto era miúda. Depois, não sei porquê, nunca mais aconteceram estes piqueniques.
- Agora, digo, presentemente também os há mas formalizados em passeios de empresas e coisas assim, de maior envergadura do que esses piqueniques familiares.
- E são apreciados?
- Alguns são, outros nem por isso. Também precisam de animadores culturais e afins, senão as pessoas não se descontraem nem relaxam nestes passeios.
- Esquisito isso…
- São novos hábitos de isolamento entre as pessoas e as tarefas, do seu modo de trabalhar. Enfim, novos hábitos sem dúvida, em que a natureza não faz parte integrante do ambiente.
- Pois… talvez…
 

 


publicado por eva às 00:37

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Sábado, 26 de Setembro de 2009

Reuniões

Pessoas que se juntam e reúnem conforme os seus objectivos ideais, ou conjugação de tempos comuns, ou ainda e tão simplesmente por falta de objectivos e fins no seu dia-a-dia.
Reuniões que podem ser de discussões fúteis, as típicas discussões do sexo dos anjos.
Ou reuniões de discussões sem contenda, de esclarecimento mútuo para todos quantos os que necessitem, ou apreciem, declarações claras e lúcidas de conceitos para o bem comum.
Daí, poderem classificarem-se as reuniões de ociosas ou duvidosas e de construtivas ou positivas.
As reuniões segundo ideais mais vocacionados para o bem comum têm a sua estrutura na harmonia de conceitos que são, depois, praticados por regras equilibradas e que levam a desenvolvimentos tão criteriosos quanto continuados.
Isto é, reuniões de indivíduos com pensamentos semelhantes para a instituição de regras e condições para o bem comum e progresso não só da humanidade como do universo de que somos uma ínfima parte com responsabilidades afins.
- Estás a falar de política e governos?
- Estou a falar de desprendimento material e de abnegação ideal pela felicidade individual e colectiva.
- Isso existe? Com as notícias que vamos tendo…
- Ainda existe e sempre existirão seres esperançosos, abnegados e beneficentes!

.
.

.
Baden Powell e o chefe sioux Dr. Eastman
(colecção do Reverendo Charlie T. Wood)
Imagem retirada da net
.
.
Disse  Baden Powell:  O melhor meio de alcançar a felicidade é contribuir para a felicidade dos outros !
.

.


publicado por eva às 00:36

link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 2 de Dezembro de 2008

Sítios

Trabalhos e reuniões.
Se as reuniões são tipo aulas – então são úteis.
Se são das outras… são apenas convívio e horas que se escoam, de modo mais ou menos luxuoso.
Vidas simples não têm nada a ver com estes esquemas de agenda.
Porém, há reuniões de trabalho que são transferências e partilhas extremamente ricas de conhecimentos e valores.
Como em tudo – há o habitual e o excelso.
De modo inato, caminhamos sempre na direcção do melhor e nesse sentido será também a organização da nossa vida.
Ao jeito dos desportistas, podemos colocar a fasquia sempre mais alta, em desafio às nossas capacidades.
Mas, cuidado, não fique tão alta que seja impossível de atingir e gerar desânimo em vez de ânimo.
- Vês ali? Outra vez o templo…
- Disso não vejo nada, mas sinto o perfume das flores…
- A luz ofusca, parece meio-dia em céu claro de Verão.
- Ahh, agora já se vêem as flores - estão em círculo e são de cores e desenhos variados. Tão cheirosinhas que não apetece sair daqui.
- Onde é o teu aqui?
- Pronto! Terminou o intervalo e estão a chamar para o resto da reunião.
- Vamos lá para a reunião e levemos esta sensação de estar em vários sítios ao mesmo tempo…

.
.
.

Imagem retirada da net

.
.

Disse  Plutarco:  É preciso viver, não apenas existir !
.
.


publicado por eva às 00:23

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Terça-feira, 26 de Dezembro de 2006

Festas e lanches

26 de dezembro de 2006

Festas e lanches de despedida ou de chegada ou simplesmente porque sim, por algo que vale a pena comemorar.
Comida e mais comida. Mesas juntas umas nas outras.
Todos de pé e os mais cansados, nas cadeiras ao longo das paredes.
Um circular de pratos e copos entre os grupos e as mesas centrais, de comidas e bebidas.
E a mesa dos doces, um problema grave para as dietas.
É sempre a mais esperada e a mais colorida.
Muitos, sempre de boca cheia. Outros, sempre a conversar pois é uma óptima altura para isso. Inúmeras pessoas, interesses e horas para prolongar essas conversas.
Mas as conversas são de inutilidades. Nada que seja mesmo necessário tratar.
Pelo contrário, fala-se exactamente do que é supérfluo e repetem-se constantemente os cumprimentos, os elogios e os reparos habituais das reuniões.
Os fatos e os penteados, mais os adereços, esses são todos notados.
Enfim, são os "jogos"de sociedade.
Quer se goste ou se deteste, eles estão aí, de modo ostensivo, em certas alturas do ano.
Resta saber quantos de nós apreciariam mais estar sossegados em casa, como no resto do ano.
Talvez estas extravagâncias sirvam para nos lembrar a felicidade das coisas simples.
De procurar a pureza das coisas. Também dos nossos actos.

publicado por eva às 20:02

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito


. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds