Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escritos de Eva

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Escritos de Eva

17
Set09

Amor é também

eva

Amor é também perdoar, perdoar continuamente e arranjar forças para recomeçar.
Recomeçar sem traumas, entendendo que alguns de nós são mais elevados e progressos no seu modo de vida.
Entendendo que alguns têm mais dignidade que outros nas suas atitudes.
E que alguns põem a verdade em tudo o que sentem e dizem e que a conseguem transmitir de vários modos, sem ofender ninguém.
Percebendo, também, que outros não chegaram a esse nível e que amesquinham o seu próprio ser.
Percebendo que outros não conseguem levar a sua verdade sem afrontar os outros.
E que, se alguns seguem em frente corajosamente, com mais ou menos habilidade para a harmonia entre todos, outros não conseguem e refugiam-se ou na abstenção ou na negação da sua verdade para aceitar a dos outros sem mais delongas.
Amor é ainda a caridade de desejar o bem daquele que parece prejudicar-nos e de todos os que parecem não ser simpáticos ou nada agradáveis.
Amor é compreender que encontramos constantemente pessoas e situações de modos tão variados quanto uma paleta de cores.
É compreender que tudo é útil para o nosso desenvolvimento, sobretudo se não nos deixarmos envolver por tudo o que não queremos, o que não optamos e o que não desejamos em nenhuma nuance de desejo.
Se delinearmos o nosso caminho e o nosso caminhar pela vida e seguirmos esse desenho, adaptando-o constantemente para objectivos mais elevados moralmente, nada nos afastará desse caminho e sentir-nos-emos em paz.
- Ah! A paz de nós connosco é um autêntico milagre de bem-estar!

.
.

.
Mordillo
Imagem retirada da net
.
.
Disse Rabindranath Tagore: Aquele que quer fazer bem, bate à porta; aquele que ama, encontra a porta aberta !
.
13
Jul09

Errar

eva
Delicadeza de gestos ou atitudes.
Delicadeza de pensamentos e (claro!) delicadeza de pensares.
Pensar que os outros são o melhor que podem ser.
Que sempre que os outros nos desiludem é porque esperámos demasiado deles.
Pensar que sempre que nos apetece criticar ou comentar algo sobre alguém, estamos a espelhar-nos nessa vontade de comentar e seremos capazes de atirar a primeira pedra sem ter esse direito.
Tantas coisas que pensamos de modo errado.
Tantos pensamentos úteis que temos e que poderíamos elaborar melhor.
Tantas cogitações que poderiam ser úteis ao próximo mais próximo e ao mais ignorado, nos confins do mundo.
Tanto que poderíamos fazer de útil a nós e aos outros.
- E se não fizermos nada?
- Às vezes essa atitude é a mais sensata. Sempre será melhor do que fazer algo errado. Porém não temos que evitar tudo para não errar. Temos sim que evitar errar em tudo o que podemos fazer a cada dia.
.
.

.

Fotograma de "O Feiticeiro de Oz"
Imagem retirada da net

.
.

Disse  Rabindranath Tagore:  Se fechar a porta a todos os erros, a verdade ficará do lado de fora !

.
.

10
Jun09

No mundo de bem-querer

eva

Portão que se abre estrondosamente. Vozes que se fazem ouvir bem alto.
É dia e princípio de tarde soalheira e um bebé que vai passear com os pais.
É uma recordação que volta. São os sonhos desfeitos de um bebé que não deixaram nascer.
São os choros que se ouvem ano após ano. São choros das entranhas de uma mãe e de um passado.
Um passado em que a opinião dos outros contava tanto ou mais que a sua.
Um passado sem condições, sem trabalho e sem dinheiro.
Um passado de sujeição à família e à sociedade.
Todos esqueceram, outros ainda ignoraram e dois seres ainda choram e sentem o choro de um pelo outro.
Às vezes, junto com o choro, solta-se um grito que as mãos, rápidas, travam ainda na boca.
E o tempo prossegue…
E o bebé foi passear e volta feliz.
Quando os exames médicos mostram bons resultados todos ficam felizes.
E se não estivessem? Que faria a classe médica? Continuava apurando a raça?
- No mundo de bem-querer, bem-fazer e bem-parecer poderão conviver o amor de mãe e a ciência médica?
- Tudo é possível, sobretudo se as ideias adquirem a face adulta do raciocínio e da responsabilidade.
- Há lugar para a irresponsabilidade?
- Junto dos mal-entendidos há sempre um lugar para a irresponsabilidade, assim como para um esclarecimento racional e, porque não, emocional.
.
.

.

Gregory Katsoulis
Imagem retirada da net

.
.

Disse  Rabindranath Tagore:  O mistério da encarnação repete-se em cada mãe: toda a criança que nasce é Deus que se faz homem !

.
.

15
Jul08

O resto da sua vida

eva
Mal-me-quer, bem-me-quer, mal-me-quer, bem-me-quer…
Era um jogo antigo ou uma brincadeira para amigos, namorados, etc.
E os pobres malmequeres ficavam sem pétalas e abandonados no chão, até espezinhados.
Finalmente a brincadeira passou de moda e as flores podem embelezar descansadamente os campos com as suas cores alegres de branco e amarelo.
A alegria juvenil pode continuar mesmo sem maltratar as flores.
Assim como nos podemos sentir sempre jovens em intenções e alegres no convívio, seja em que idade for e sem necessitar de estragar, ou prejudicar nada para isso.
As situações de responsabilidade não deixam de ser tratadas por o indivíduo ser alegre.
São é tratadas com alegria.
A alegria sempre ajuda a fortalecer o corpo e o espírito.
A alegria expande o ser e, por isso, deveria cultivar-se especialmente em idades em que se acumulam responsabilidades porque ameniza a vida.
O resto da sua vida.
.
.
.
Imagem retirada da net
.
.
Disse  Rabindranath Tagore:  Adormeci e sonhei que a vida era alegria; despertei e vi que a vida era serviço; servi e vi que o serviço era alegria !
.
.
28
Abr08

Ética e integridade

eva
O perdão que deveríamos pedir é quase uma lista sem fim.
Fazemos e pensamos - ou melhor - pensamos e fazemos "n" coisas sem grandes preocupações porque nos parecem bem e acertadas.
E perante a nossa vida, a nossa família, grupo de amizades e, mais ainda, na sociedade em que nos inserimos globalmente até somos pessoas de bem.
De muito bons costumes - apreciados por todos ou pela grande maioria das pessoas que lidam connosco.
Para a nossa vulgar noção de ética somos uma maravilha, sobretudo se estamos a ver as notícias do dia - porque nos sentimos muito acima daqueles que perpetuam crimes de vária ordem.
Mas outra ética e integridade existem que é muito mais exigente e que, se quisermos, até podemos considerar uma ética ideal.
Nessa ética até o pensamento momentâneo da dúvida entra no cômputo do nosso ser.
Algo semelhante às palavras de Jesus "até ao último ceitil"- a verdade é que tudo conta - absolutamente tudo.
- E onde ouviste isso? Na palestra de ontem?
- Não, nada disso.
- Então?
- Ah, sim. Sonhei! Sonhei com essa lista de atitudes e eu tinha uma de erros que nem desconfiava.
- Só em sonhos mesmo...
- E se não é... se não tiver sido só um sonho?
.
.

.
Planeta Gilese 581c, descoberto em Abril de 2007
(imagem da NASA)

 .

.
Disse Rabindranath Tagore : o bem pode resistir às derrotas, o mal não !
.

.

23
Mar08

Vitorino Nemésio # Relações de Incerteza

eva
.
...................I

É esse o desejado coração,
A paz de folhas em branco?
Mas abro a palma da mão
E é como se fosse manco.
Tudo pergunto em decúbito,
Como um ensaio de morto:
Sinto-me vão de súbito,
Navio longe do porto.
Talvez, mudando o ritmo à vela, expanda
As moléculas ácidas que me tolhem.
A minha vida não anda.
Chove. As aves recolhem.
O céu é um cogumelo radioactivo,
O mar petróleo sem peixes.
Homem, eu, de ti cativo,
Só te peço que me deixes!
Guarda-me em pó, electrifica-me,
Trata-me a equação provável:
Sou o teu gás de sonho – quantifica-me,
Homem, mais que o fumo, instável.
No dia, no dia (digo)
Entrópico, falaremos:
Espera-nos a morte
Na última bolha fria
Da caldeira estoirada,
No positrão oriundo de um urânio exaurido,
Com orbe, coração e o dizê-lo – perdido.
.
........................II
.
Em todo o caso, em todo o caso,
Ainda um talvez,
Como em Boltzmann e Gibbs a vastos formalismos:
Uma poeira astral era uma vez
E foi-se pelo y dos abismos.
Mas logo outra galáxia calculada
O vermelho longínquo condensou.
Eu digo por hipótese: Do nada,
Deus, que é cálculo e amor, tudo tirou.
Que eu, se pudesse, ao giz pedia apenas,
Além da cal mortuária, o α carbónico
De um homem novo:
O meu filho electrónico,
Aliviado das minhas penas.
Mas, pra milagre tal, que é dele, o ovo?

.
in "Limite de Idade"
Estúdios Cor, 1972
.
.
Disse  Rabidranath Tagore :  cada criança que nasce traz consigo a mensagem de que Deus ainda não perdeu a fé no homem ! 
.
.
(α = alfa. Primeira letra dos alfabetos grego e siríaco.     Usa-se para designar o princípio, o início)
.
.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema

ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2006
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D