Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escritos de Eva

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Escritos de Eva

03
Jul11

Viver vivendo

eva

ódoas, nódoas negras!

Violência. Quedas e encontrões

Vidas mais violentas

Bruscas e grosseiras

Palavras ácidas, gestos brutos

É o dia-a-dia de muitos

Demasiados

Parece que está tudo certo – dizem uns

Talvez

Mas a violência, o desacato…

Não podem estar certos

A protecção desinteressada de uns pelos outros

A protecção dos mais frágeis

A protecção do ambiente que nos rodeia e permite a vida

O oxigénio que necessitamos para respirar

As comidas que mantêm o nosso corpo

Enfim, os nossos meios de saúde

Tudo o que convinha proteger

Opiniões sensatas. Atitudes coerentes

Bons ambientes de harmonia e alegria

Alegria de viver

Parecem por vezes uma meta demasiado longínqua

Então serve o viver vivendo o melhor possível, com o olhar fito num horizonte de bondade.

 

20
Mar09

Protecção imemorial

eva

Levava um bebé nos braços, protegido com uma mantinha.
Quando o levantou para entregar nos braços da mãe, passou outro que lho arrebatou e levou para longe a grande velocidade – assim, pelo ar, a voar.
Foi tão rápido que, aos dois, custou a perceber.
E depois, assim pelo ar, seria pessoa ou pássaro?
A tal velocidade nem perceberam, ficaram quedos – mudos...
O choro do desespero veio depois.
O fiel depositário foi declarar o sucedido e pedir ajuda.
Ainda não tinha obtido resposta, apenas um torpor que o deixava cada vez mais ensonado, insensível.
Espera! – tão somente isso é o que consegue fazer.
O bebé vem agora, descendo devagar para os seus braços. Já acordou e é lindo.
Resta entregá-lo à mãe, o que faz em segurança.
E releva o sucedido – já passou! – e isso é o importante para ele.
Os olhares de mãe e filho denotam a maior felicidade.
A sensação é de que o amor de alguns pais pelos filhos deve perdurar eternamente.
Ou seja, sendo amor, a capacidade do amor maternal, ou paternal, é de uma protecção tal que deve poder expandir-se por vários orbes e tempos.
Essa força não deve ser para uma vida, deve ser uma protecção imemorial.

.
.
.

O nascimento de Gaia (a Terra) 
Imagem retirada da net

.
.

Disse Thich Nhat Hanh: Se olhares bem para a palma da mão, verás os teus pais e todas as gerações dos teus antepassados. Todos vivem neste momento. Cada um deles está presente no teu corpo. Tu és a continuação de cada uma dessas pessoas !
.
.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema

ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2006
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D