Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. Todos temos lugar

. Estou onde?

. Da consciência lúcida

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links


Quinta-feira, 29 de Dezembro de 2011

Todos temos lugar

antos planos e projectos amistosos. Outros ambiciosos, simplesmente.

Felizmente que pretendemos algo melhor cada ano. Pois a esperança sustém o indivíduo em cada vicissitude mais áspera.

Felizmente que olhamos mais além do horizonte de cada dia.

Seja a sensatez a orientadora de tudo em nossas vidas, deixando umas pitadas de tempero com a realização de desejos simples. Daqueles que aquecem por dentro e não prejudicam ninguém, nem a honestidade em nós.

Seja a esperança o apontar da renovação magnânima de cada ser.

A fraternidade entre todos os seres e o planeta que nos dá guarida seja possível além dos desejos ambiciosos, além dos interesses imediatos.

Todos temos lugar, todos temos possibilidades melhores.

Convém enquadrar com harmonia o desenvolvimento de todos e de cada um, de cada espécie e de cada projecto pelo bem comum.

Convém olhar mais longe, além da linha do horizonte de cada dia.

Igualmente convém não esquecer o momento que se está vivendo, porque a seguir já passou outra oportunidade de Ser.


publicado por eva às 00:45

link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 27 de Setembro de 2010

Estou onde?

- inguém me compreende! Ninguém me acompanha seja com amizade ou consideração no trabalho. Parece que não faço nada direito ou então nada que seja visível, pois parece que nem me vêem.

- E… se calhar não vêem mesmo…

- Eu tento ajudar, apresso-me para chegar a tempo a todos os meus compromissos e só falta fecharem-me a porta na cara.

- Porque se calhar não vêem mesmo…

- Vou a casa e nem me ligam, não me dão comida, nem perguntam se estou bem.

- Se calhar não te percebem…

- No emprego é exactamente igual.

- Porque se calhar não te percebem…

- Vou na rua e só falta atropelarem-me e nem param para pedir desculpa que seja.

- Pois, se calhar não vêem mesmo…

- Quando encontro alguém conhecido temos uma conversa de surdos e assim que pode vai embora sem se despedir, nem nada.

- Pois, se calhar não te percebem…

- Mas isso… É assim: ou eles ou eu estamos a viver noutro mundo, porque pareço invisível para eles.

- Para todos?

- Não, não. Alguns vêem-me e até são simpáticos e falam comigo, mas a esses não conheço eu.

- Porque não fazes novas amizades com esses?

- Porque não os conheço, já te disse!

- E a mim conheces?

- Não! Pois não?!

- Porque falas comigo, então?

- Porque… não sei… se calhar porque agora preciso mesmo de falar com alguém que me compreenda e tu pareces compreender-me. E vês-me, não vês?

- Eu vejo-te perfeitamente, mas admito que a maioria pode não conseguir ver-te. Já agora vês essa senhora aí à tua esquerda?

- Mãe! Que alegria! Ohhh! Que alegria tão grande! Se soubesse como me tenho sentido só… Vamos onde? A minha casa é para aquele lado, não se lembra? Ahh! Mas agora me lembro, a senhora já morreu há muitos anos, que faz aqui? Não foi para o céu? Estou onde? Ohhh!

 


publicado por eva às 13:31

link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 2 de Novembro de 2009

Da consciência lúcida

Sonhamos e desejamos sintonias com planos mais elevados de consciência.
Desejamos e tentamos, por diversos modos, a reunião com outros que julgamos mais elevados que nós.
Contudo, são poucos os que se querem elevar por si e em si mesmos. E acontece também que, ao julgarem-se erroneamente, podem escolher, precisamente, os que não são as direcções nem os caminhos elevados.
Essa reunião, para ser possível em estado de Graça é necessário estar já em estado de voo para os lugares mais elevados.
A reunião dá-se por merecimento e por acerto de direcção, de canalização de energias para determinado nível espiritual e não por desejar, ou evocar, ou invocar, tal vontade…
O indivíduo deve estar já posicionado moral e eticamente nessas direcções, porque senão os seus desejos são aproveitados noutras direcções, mais baixas, e tudo será um ledo engano. E o seu resvalar poderá vir a ser contínuo e agravado a cada instante.
Cuidado, pois, com o que se deseja de modo descontrolado da razão e da lucidez, das possibilidades que não foram trabalhadas com muito amor e abnegação.
A personalidade de cada um merece todo o trabalho possível e até ao raiar do que parece impossível, com toda a humildade do nosso ser.
Então o caminho já estará acertado e aberto à promoção do ser; trata-se, apenas, de se permitir caminhar por ele, como uma criança que ensaia os primeiros passos periclitantes e olhando para o auxílio de braços carinhosos, que atentamente esperam esse ser na luz maravilhosa do despertar da consciência lúcida…
- Isso é possível a qualquer pessoa?
- É possível para todos os que se apliquem em esculpir a sua personalidade-base em qualidades e virtudes que considere divinas e que queira transfigurar, transubstanciar para si mesmo. Essa transformação está, pois, ao alcance de todos e do entendimento lúcido.

.
.

.
Vincent Van Gogh (inspirado em Jean-François Millet)
Os primeiros passos
Imagem retirada da net
.
.
Disse  Heráclito de Éfeso:  A todos os homens é permitido o conhecimento de si mesmos e o pensamento correcto !
.

.


publicado por eva às 00:39

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito


. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds