Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escritos de Eva

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Escritos de Eva

06
Dez11

Música em nós

eva

úsica em nós

Melodias íntimas

Nos preenchem lacunas

Renovam espaços que nem há

Traçam directrizes onde nada havia

E o nada há?

Música em nós

Altera o estado físico como o mental

Transmuta a personalidade

Transforma o modo de viver

Tudo pode ser melodia

Piano, guitarra, violino, trompete

E outros mais.

Tamborilar, trautear

Música em nós

É um modo de viver

Sobreviver ouvindo

Música em nós.

12
Nov10

Sons da vida

eva

- ons melodiosos estão por todo lado.

- Ah estão?

- Sim, até aquelas máquinas que brocam as pedras e os passeios e os arruamentos, podem produzir sons melodiosos.

- Como ouves tu isso assim? Para mim é um ruído de fugir e eles aguentam porque têm aqueles tapa-orelhas… e é o seu trabalho!

- Pois, passar os dias naquilo e a vibrar com as máquinas prejudica o organismo físico e mental como, aliás, muitas outras profissões. Mas, como dizes, é daí que vem o dinheiro do trabalho para sobreviver o trabalhador mais a família.

- Então, onde ouves tu as melodias?

- Oiço-as na minha cabeça, onde haveria de ser?

- Não será melhor ires ao médico?

- Já fui e não encontraram nada. Parece que sou mesmo assim.

- Antes isso que outra coisa pior… Pelo menos as melodias são bonitas?

- São muito simples, como as dos motores a trabalhar.

- Ah! Mas aí tens os mecânicos contigo; todos dizem – oiça agora o motor, parece música!

 

04
Set10

Melodias

eva

úsica forte, digamos assim, porque se ouvia por toda a parte quer se mantivessem as janelas fechadas ou abertas.

Os sons batiam nas coisas, no chão, até os corpos sentiam essas batidas interiormente.

Depois… o carro foi embora, rapidíssimo, e os sons foram embora com ele, com eles, porque eram vários no mesmo carro.

- Veículo ligeiro!

- Sim, sim. E o silêncio voltou ao campo…

- Isto é…

- Pois sim, depois do interregno, continuaram a ouvir-se os sons do campo, da natureza simples. Desde a água das fontes, aos pássaros, abelhas…

- E dos gatos e suas guerras com pássaros, cães e entre eles, os gatos.

- Pois sim, a natureza é isso tudo. Então, calmamente pude ouvir música mais ao meu gosto.

- A outra era ao gosto de quem ia no carro, ora!

- Pois sim. Mas abalava tudo em redor. A que prefiro não abala nada, embala isso sim!

- Gostos são gostos! E nesse embalo vou eu embora, até amanhã.

- Até amanhã, talvez com novas melodias!

 

12
Jul10

Simplicidade de vida

eva

- odos os dias ouvimos ruídos…

- Chamam-se os ruídos da informação!

- Hã?

- Quando a informação não é correctamente expressa, ou está mesmo falseada, vulgo dados martelados, diz-se que tem ruído.

- Não era bem isso, mas também se pode aculturar o termo, porque não?

- Então a tua ideia era?

- A ideia era mesmo o ruído, literal e simplesmente, barulho. Ruído esse que, ao fim do dia, se transforma em enorme dor de cabeça e impaciência, por tudo e por todos, até poder chegar à cama e descansar.

- E os sons?

- Os sons são as melodias que as boas palavras como a música, as canções, a Natureza, canta para nós. E, se tomarmos atenção, podemos gozar o dia apenas enlevados nessas melodias…

- Isso é tão difícil quanto impossível!

- Será… mas às vezes já nada mais resta de interesses comuns, ou materialistas, e esses sons são uma maravilha no nosso dia e no porvir. Nessas alturas somos felizes e percebemos, também, quanto o somos.

- Simplesmente?

- A Felicidade é simplicidade de vida… do mais simples que se puder imaginar…

 

08
Jul10

A melodia dos nossos pensamentos

eva

elodias do mar. Melodias do campo, do nascer e do pôr-do-sol, da tristeza, da alegria…

A melodia sente-se em todas as veias e articulações do corpo, da mente…

A melodia musical é a melodia dos nossos pensamentos, da nossa forma de pensar.

A nossa própria melodia é a nossa maneira de encarar e de estar na vida como, aliás, na morte.

O passar e ultrapassar, ou não, de cada experiência, de cada conflito ou do ultimatum que a vida nos coloca, ou que nos provocamos, é também a construção de novas melodias de nós mesmos.

Tudo o que nos rodeia tem uma melodia própria e nós temos a que nos é apropriada.

E as melodias compõem as músicas.

Sejamos bons músicos de nós mesmos e seremos bons músicos para todos os que nos ouvirem.

- Como as teclas do telemóvel que soam?

- Ahhh! Pode ser, sim!

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema

ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2006
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D