Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. Mãe das mães

. A Natureza é mãe

. Capacidade de entendiment...

. Amor de mãe

. Horizonte de perfeição

. José Régio # Quando eu na...

. Desapego

. Mãe # Dois poemas

. Mulheres-mães

. Parabéns, mãe!

. Morte de mãe

. Dias

. Cecília Meireles # Não di...

. Coração de mãe. Muitos co...

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links


Quarta-feira, 1 de Fevereiro de 2012

Mãe das mães

ãe das mães

Maria mãe

Filha Maria

Amor especial de mãe

Mãe das mães

Amor em qualquer situação

Amor que desculpa e perdoa

Constantemente

Que socorre nas acusações

Nas dificuldades

Mesmo em simples diferenças

Amor especial de mãe

Mãe das mães

Amor que ampara

Harmoniza

Defende e protege

Através da maior energia

A força do escudo do Amor

Amor especial de mãe

Simbolizado em Maria

Mãe das mães. 


publicado por eva às 00:43

link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 17 de Janeiro de 2012

A Natureza é mãe

 Natureza é mãe…

Na Natureza encontramos tudo

Para curar nossas maleitas

Para melhorar nossas mentes.

A Natureza é pai…

Um exemplo do mais forte

Tantas vezes drástico

Na reforma do mais velho

Do enfraquecido.

A Natureza é educadora…

Da mudança renovada do posto

Da supremacia da tarefa

Que deve ser cumprida

Da melhor forma

Custe o que custar.

Das vicissitudes caladas

Das mudanças esforçadas

Pela renovação sucedida

Bem conseguida

A Natureza é exemplo…


publicado por eva às 00:55

link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 1 de Março de 2011

Capacidade de entendimento

ara uns Deus é Pai, para outros é Mãe e ainda para outros é Pai-Mãe conjuntamente.

O que geralmente significa é o supremo bem, a luz da luz que todos desejamos para nossas vidas, nossas famílias, nossos bens mais queridos.

Somos o que somos e a vida que levamos é tudo o que temos, ainda segundo opinião da maioria.

Outros há, talvez mais sonhadores, talvez mais inquietos de si, ou talvez mais quietos de si, que crêem cegamente, que tudo racionalizam e justificam entre lógica e razões.

Na imagem de um Pai há valores esculpidos ao longo dos tempos, de igual modo que se atribuem outros valores à imagem de Mãe. Esses valores são imaginados com o que de melhor conseguimos imprimir e tornar virtuoso em nós mesmos.

Por isso e em conformidade com os nossos melhores desejos enviamos vibrações e energias pelo Universo em prol das mais belas impressões e emoções que conseguimos transbordar.

E… muitos conseguem obter paz na atribuição das mais profundas aflições em orações.

Conviria não esquecer, então, de agradecer a essa imagem sonhada de supremo bem o alívio que provoca a sua existência mental, ou a sua existência consciencial, com igual ou maior constância de enlevadas energias.

O círculo da acção ficará completo e seguiremos o exemplo que nosso pai ou mãe ensinam sobre boa educação.

Afinal, do grupo familiar e social terreno aos bons espíritos celestiais vai a distância da capacidade de entendimento que se quiser abranger.

 


publicado por eva às 00:31

link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 28 de Junho de 2010

Amor de mãe

mor de mãe deve ser parecido com amor de pai e amor de filhos porque tudo isto é relação e troca do sentimento de amor.

A maternidade é outra troca de sentimentos semelhantes que envolvem, ainda em acréscimo, uma relação de meses em completa duplicidade de emoções e forças físicas.

Esses laços perduram e perduram…

Depois, também há outras pessoas que vamos encontrando pela vida fora e que fazem as vezes da mãe, do pai ou de um filho tal como sonháramos que fossem.

E tudo se vai completando e encaixando como se a nossa vida fosse simplesmente um puzzle de inquietudes e ilusões bem sonhadas.

Rosas, flores lindas e perfumadas…

Ou céus muito azuis, e rosas, e amarelos…

Enfim, o belo e a felicidade estão presentes sempre que há quem tenha sentimentos bons por quem sentir e para repartir por tudo o que rodeia.

 


publicado por eva às 00:39

link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 7 de Maio de 2010

Horizonte de perfeição

- uando era pequena fazia-me impressão apelidarem a mãe de Jesus de virgem, e da incongruência do uso deste termo em relação ao significado que lhe davam na generalidade. Enfim, resumia-se tudo em coisas de adultos

- Mas hoje, já percebeste?

- Bem, passados tantos anos…

- O que importa é entender que este termo é aqui utilizado como sinónimo de anjo, ser angelical.

- Pois, mas o esforço de certos padres a explicar que a geração de Jesus teria sido espontânea e que o seu nascimento teria sido como o passar da luz através dos vidros de uma janela, sem alterar a forma da janela – mãe – era qualquer coisa de extraordinário para a minha mente.

- O que interessava era a mensagem.

- Sem dúvida, mas um pouco mais de atenção talvez não fosse trabalho perdido.

- De qualquer modo o que interessava era purificar a mãe de Jesus.

- E conseguiam-no dessa maneira? A verdade vem sempre ao de cima, seja nestes assuntos e mentalidades, seja no que seja. Por mim, estou satisfeita com as explicações posteriores e bem mais razoáveis.

- O que interessa é a fé em nós próprios e num poder magnificente de amor e justiça puros que nos conduz, em esperança saudável, a um melhoramento constante de nós.

- É importante, sim. É importante ter o olhar posto nesse horizonte de perfeição, mesmo que se ache essa perfeição inatingível, é bom crer que existe e que somos todos filhos de Deus.

- Consola!

- Mais que consola, mantém-nos despertos para as vicissitudes, não nos deixa acabrunhar e ajuda a passar os maus, ou os péssimos, momentos e anos da nossa vida, por aqui.

- Somos seres de esperança?

- Somos seres de depressão e de esperança, senão, como seria possível… 

 


publicado por eva às 00:32

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Domingo, 25 de Outubro de 2009

José Régio # Quando eu nasci

.
Quando eu nasci,
ficou tudo como estava,
Nem homens cortaram veias,
nem o Sol escureceu,
nem houve Estrelas a mais...
Somente,
esquecida das dores,
a minha Mãe sorriu e agradeceu.

Quando eu nasci,
não houve nada de novo
senão eu.

As nuvens não se espantaram,
não enlouqueceu ninguém...

P'ra que o dia fosse enorme,
bastava
toda a ternura que olhava
nos olhos de minha Mãe...
.
.
in "José Régio - Obra Completa"
.
.
Disse  José Régio:  As palavras mais repetidas podem tornar-se novas. Toda a gente as diz, quase ninguém as sente!
.

.


publicado por eva às 00:35

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quinta-feira, 23 de Julho de 2009

Desapego

Ela estava mal. Ia pelos ares e as tonturas eram muitas.
Tonturas pela preocupação de tudo o que a prendia.
Tonturas pelas necessidades dos outros que queria defender.
Tonturas pelas vontades de outros.
Tonturas porque não podia ir para tão longe e deixar para trás aqueles que lhe parecia precisarem dela.
Bem os ouvia, naquelas vozes ao longe e que, ao mesmo tempo, lhe seguravam nas mãos dianteiras, ali mesmo.
Bem os ouvia dizer para largar tudo, para não se preocupar mais.
Mas não podia, não conseguia! Tudo tão lindo… mas o seu olhar volvia atrás.
Tudo tão maravilhosos mas… e os outros, não poderia ir buscá-los e trazê-los para ali?
A todos? Aos que necessitavam de descanso e aos que não os deixavam em paz? A todos sem distinção?
Como fazer então? Como sentir assim esse desapego?
A mãe veio ajudá-la e ela então aquietou. E dormiu deitada nas pétalas das rosas amarelas como uma abelhinha.
- Tal qual era!
.
.


.

Gustav Klimt - Mãe e filho
Imagem retirada da net
.
.
Disse Victor Hugo: Os braços de uma mãe são feitos de ternura e neles os filhos dormem serenamente !
.
.

publicado por eva às 22:40

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Domingo, 3 de Maio de 2009

Mãe # Dois poemas

.

Palavras para a Minha Mãe

mãe, tenho pena. esperei sempre que entendesses
as palavras que nunca disse e os gestos que nunca fiz.
sei hoje que apenas esperei, mãe, e esperar não é suficiente.

pelas palavras que nunca disse, pelos gestos que me pediste
tanto e eu nunca fui capaz de fazer, quero pedir-te
desculpa, mãe, e sei que pedir desculpa não é suficiente.

às vezes, quero dizer-te tantas coisas que não consigo,
a fotografia em que estou ao teu colo é a fotografia
mais bonita que tenho, gosto de quando estás feliz.

lê isto: mãe, amo-te.

eu sei e tu sabes que poderei sempre fingir que não
escrevi estas palavras, sim, mãe, hei-de fingir que
não escrevi estas palavras, e tu hás-de fingir que não
as leste, somos assim, mãe, mas eu sei e tu sabes.
.

 
de José Luís Peixoto
in "A Casa, a Escuridão"
.
.

Para Sempre

Por que Deus permite
que as mães vão-se embora?
Mãe não tem limite,
é tempo sem hora,
luz que não apaga
quando sopra o vento
e chuva desaba,
veludo escondido
na pele enrugada,
água pura, ar puro,
puro pensamento.
Morrer acontece
com o que é breve e passa
sem deixar vestígio.
Mãe, na sua graça,
é eternidade.
Por que Deus se lembra
— mistério profundo —
de tirá-la um dia?
Fosse eu Rei do Mundo,
baixava uma lei:
Mãe não morre nunca,
mãe ficará sempre
junto de seu filho
e ele, velho embora,
será pequenino
feito grão de milho.


 

de Carlos Drummond de Andrade
in "Lição de Coisas"
.


.
Diz  a Sabedoria Popular:  Com três letrinhas apenas / Se escreve a palavra mãe / É das palavras pequenas / A maior que o mundo tem !

.
.

publicado por eva às 00:25

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quinta-feira, 12 de Março de 2009

Mulheres-mães

Mulheres-mães – tantos sentimentos desencontrados!
Juntaram-se no final da reunião, já na rua, e falaram da casa, família e, claro, dos filhos!
Falaram de tudo um pouco e as observações finais foram semelhantes – as mesmas situações, se fossem os filhos os protagonistas, teriam sempre a sua compreensão de mães.
- Então e a moral? Para uns a educação é uma exigência sempre mas, para outros – na prática, os filhos – há o imediato perdão ao falhanço? Seja ou não grave a falta cometida?
- Pois, foi assim mesmo. No fim, as desculpas, o perdão, a compaixão…
- Isso não vai criar monstros sociais?
- Penso que não, mesmo para os que demoram mais tempo a recuperar das suas atitudes menos dignas; são as suas falhas que são revistas por elas com todo o carinho, porque lhes vão dizendo sempre o que pensam mais correcto. E é esse carinho que os ajuda a sair das crises e a seguir o exemplo superior que a mãe lhes mostra.
- Mas há excepções!
- Sempre, para o pior e para o melhor!
- Viste a clareira que elas deixaram no asfalto da rua, no sítio onde estiveram?
- Parece um lago prateado…
.
.

.

William-Adolphe Bouguereau – Amor maternal
Imagem retirada da net

.
.

Disse  Buda:  Ama o mundo inteiro como a mãe ama o seu filho !
.
.


publicado por eva às 00:15

link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 26 de Dezembro de 2007

Parabéns, mãe!

.
Parabéns e muitas felicidades! Desejo assim porque já não pode ser pessoalmente.
Já não te posso comprar o perfume, como fazia.
Mas posso imaginar o teu sorriso e as palavras que poderias dizer, mesmo quando já só podiam ser murmúrios.
O teu olhar, os teus olhos de água - esses, posso continuar a vê-los a olhar para mim.
Onde estejas, que possas ser feliz.
E os parabéns que te dou, que possam ser tão doces como a palavra «mãe»!
.
.

.
A Árvore da Vida
Gustav Klimt

.
♪: Nasceu o Rei dos Reis (Hark! The Herald Angels Sing)

publicado por eva às 08:31

link do post | comentar | favorito


. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds