Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. E depois? Há algo interes...

. Homens e animais

. Forças

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links


Segunda-feira, 30 de Julho de 2012

E depois? Há algo interessante?

- stás sem governo algum!

- Essa agora! Mas suponho que dizes isso por alguma razão, não é assim?

- Pois digo!

 - E…?!

- Não fazes nada do que poderias fazer com acerto, parece que nem pensas no que fazes. Vais em frente e logo se vê… Vives em reflexos de defesa porque estes são instintivos, senão…

- E depois? Há algo interessante? Só vejo monstros ou de luxúria, ou de dinheiros e lucros, ou babosos de bisbilhotices, ou de poder sobre outro mais fraco, sobre todos os que conseguirem!

- Acho que precisas ir ao médico!

- Essa resposta já dei e fui ao médico que me disse estar eu mais são que os outros lá fora do consultório.

- Humm…

- Também já me responderam assim!

- Ok, tenta perceber algo melhor…

- Ora essa! Há muito e melhor, mas a vida vive-se mais simplesmente assim – vivendo um dia à vez!

- A cada um a sua medida, sem dúvida…


publicado por eva às 00:38

link do post | comentar | favorito

Domingo, 4 de Abril de 2010

Homens e animais

á praças e locais determinados para o ajuntamento de pombos e de tudo o que isso acarreta, desde os incómodos e sujidades ao agrupamento de pais e crianças espalhando milho pelo chão, com toda a alegria infantil que lhes é tão característica.

Quanto aos pombos, eles fazem o que a sua natureza lhes impele, instintivamente, a fazer.

As pessoas adultas deveriam ter em conta os hábitos que iniciam e as consequências destes no futuro.

Poderiam, talvez, evitar-se gestos negativos de envenenamento e outras atitudes mortíferas quando se cansam de brincadeiras que, primeiro, até foram aceites com algum entusiasmo.

Porém, também é realidade que os pássaros de qualquer espécie, como qualquer animal abandonado a si mesmo, cria hábitos que lhe são convenientes perante as suas necessidades naturais.

O homem, como ser inteligente, deve tentar precaver, também, as suas necessidades e higiene sem atitudes contrárias, mas com equidade.

Pois é sabido que há espaço para todos segundo as regras de desenvolvimento de cada espécie.

Atenção e respeito por todos os seres vivos é útil e deveria ser ensinado aos mais novos em prol da dignidade colectiva.

- Já não tem conta os animais que são abandonados na via pública ou, simplesmente, longe de casa porque cresceram ou porque, de algum modo, passaram a incomodar outrem. É muito triste observar que alguns animais têm melhores instintos que algumas pessoas.

- Todos somos apenas o que podemos ser no presente, mas podemos dirigir o olhar para o futuro…

 


publicado por eva às 00:31

link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 20 de Outubro de 2009

Forças

Ele está na rua, perto de um candeeiro, como se esperasse alguma coisa. De cima, como que voando, outro alguém que vai passando despreocupadamente por ali, reconhece-o e fica a observar. Pode ser que venha a precisar de ajuda, porque parece não saber exactamente onde está, nem o que está a fazer ali e, se calhar, nem sabe como voltar.
- Voltar para onde?
- Em princípio deve ser para a sua casa…
- Mas pode andar-se por aí sem saber como?
- Poder pode, mas geralmente vamos por aí seguindo os instintos, ideias preocupadas ou fúteis ou outras mil que porventura assomem nas mentes.
- Então que se deve fazer? Deixar de se preocupar? Ter apenas pensamentos sérios?
- Bem, tudo depende dos nossos pensamentos, ou melhor, da nossa maneira de ser e de elaborar esses pensamentos no quotidiano da nossa vivência.
- Mas apenas nós temos essa força?
- Não, a partir daí identificamo-nos com outros iguais, ou piores que nós, que podem querer dirigir-nos a seu bel-prazer.
- Então continuo a perguntar. O que fazer para não andarmos por aí sem saber como, nem porquê e sentindo-nos perdidos?
- Isso requer muita força de vontade para que dia a dia, hora a hora, a cada instante em que se reconhece um pensamento excessivo, seja pela sua força em preocupação ou desgosto, seja pelo seu prazer em imaginá-lo ou senti-lo – ou em sentir consolo ao idealizá-lo por motivos materiais e bem físicos – a cada vez que se reconhece uma destas condições, e outras mil como estas, ser capaz de emendar esses pensamentos e corrigi-los com outros que julguemos mais apropriados e didácticos para a personalidade que gostaríamos de ter.
- Essa reeducação, essa transferência… se é possível, demora uma eternidade, ou é impressão minha?
- Pode demorar uma vida inteira… mas vale a pena, de certeza, o sacrifício da vigilância.
- Já tenho para o dia! Até amanhã!
- Até amanhã!

.
.
.

Imagem retirada da net
.
.
Disse  Gustave Flaubert:  Talvez a morte tenha mais segredos para nos revelar que a vida !
.

.


publicado por eva às 00:36

link do post | comentar | favorito


. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds