Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escritos de Eva

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Escritos de Eva

27
Jun12

Berlinde celeste

eva

- lha as notícias! Mais um desentendimento, mais uma guerra a chegar.

- Ainda não as percebi! Que temos nós com o desacordo de dirigentes, partidos, etc.? Nós vivemos do nosso trabalho, do nosso esforço em cada dia para conseguir comer e garantir algo de bem a uma família que constituímos. Apesar de não pedir opinião aos que geramos.

- Bem, há filosofias religiosas que dizem não ser bem assim. Que há um espírito em cada um e que esse, tudo sabe e conhece em outro nível de entendimento.

- Hã?! Bem, mais uns itens a acrescentar… Mas, voltando ao assunto da guerra…

- Pois sim, acho que os pretensos entendidos desses assuntos mais deveriam esforçar-se por evitar as guerras e toda a destruição que trazem, anos a fio, e esforçar-se em construir a paz e… sentimentos de paz e… dignidade em todo o globo.

- Acho que nessa altura a Terra poderia acrescentar ao nome Terra e paraíso em berlinde celeste.

- Eheheeh! Seria uma felicidade, oh sim! 

15
Set11

Linhas trocadas

eva

- qui estamos novamente reunidos para…

- Para encontrar a verdade de tudo isto!

- Hã?

- É o que digo, tudo o que vem acontecendo tem que ter uma razão para ser assim e não doutro modo.

- Bem, mas isso é evidente.

- Ai é?! Então porque não se dá logo solução, ou conclusão, melhor dizendo?

- Porque nem sei qual a razão…

- Ora, adeus!

- Adeus.

- Francamente, uma conversa de parvos!

- De surdos, queres dizer.

- Tanto faz!

- Mas se ele não sabe a razão, verdade seja dita, não pode fazer nada de útil.

- Ai ai ai!

- Não achas?

- Claro que não e é horrível esta sensação de impotência, digo eu.

- Bom, isso!

- Vou fazer tudo eu mesmo, é o que é!

- Mas vais fazer o quê?

- Organizar um mini-mercado para abastecimento aqui da zona e assim os que não podem deslocar-se poderão comprar do que necessitam aqui mesmo.

- Mas era disso que estavas a falar?

- Pois era!

- Humm… acho que ninguém percebeu.

- E então achavas que era do quê?

- Bem, em boa verdade o tema nunca foi referido. Se calhar cada um pensou uma coisa diferente e mais de acordo com as suas opções de valores.

- Digo-te que falta é falar claro e directo, e que é horrível a dita sensação de impotência.

- Pois é, é!

01
Jul06

O enigma

eva
1 de julho de 2006

Passou cabisbaixa, na dúvida se falava sózinha.
Amargos protestos. Solidão de sentir-se incompreendida.
Todos pareciam falar outra língua.
Ela queria intervir, replicar que não era nada assim do que diziam.
Eles pareciam não a ouvir e, pior, sorriam-lhe bondosamente. Sorriam!
Como isso era possível em reacção ao seu sofrimento é que ela não descortinava.
Os dias eram este enigma.
As noites um tumulto de acontecimentos fantásticos (fantásticos era mesmo o termo).
Novo dia e nova tarde a caminho de casa e da noite mais próxima.
De repente sente um estremeção.
Parece-lhe estar a viajar pelo mar, depois pelo ar, entrar no céu azul e quase cair desamparada em si mesma.
E, por acaso, no mesmo lugar onde estava, no meio do passeio a caminho de casa.
Porém, agora que caíu, parecem ser duas em vez de uma.
Parece que se juntaram, a que vinha mais a que voava.
Mas é ela própria em duas... versões, digamos assim.
Uma pequena, curvada e ansiosa. Outra maior, mais colorida e brilhante, e calmíssima.
Esta que olhando-a... sorriu bondosamente.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema

ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2006
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D