Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escritos de Eva

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Escritos de Eva

29
Set10

Actores das nossas vidas

eva

- oa noite a todos, foi uma boa noite de trabalho!

- A cada um o que pode e o que merece ter. E cada um constrói o seu mundo com os bens que conseguir juntar, sejam materiais sejam mentais.

- A realidade, ou a verdade das situações, é uma diferente a cada vez e conforme o tempo em que se realizam esses acontecimentos.

- Ilusões – todos as temos e todos as vivemos como realidades e a vida continua como uma peça teatral a exibir-se num palco. E, de vez em quando, apercebemo-nos que o pano sobe ou desce, mas a maioria das vezes nem isso.

- Será tudo ilusão nossa, os sofreres e os agrados?

- Que achas?

- Que temos capacidade para dar tanta energia aos pensamentos quanto de lhes dar formas, de constituir situações que só para nós são assim.

- Então somos todos actores das nossas próprias vidas, é isso? Temos a desgraça ou a graça nas mãos, isto é, na mente?

- Com toda a simplicidade é isso em síntese. O resto…

- Fica para outro dia…

 

19
Jun09

Formas de vida

eva

A luz brilhou e a vida começou a pulsar com mais vivacidade e beleza!
- [em sussurro – Estás a contar uma história?
[- Estou, a da vida conhecida na Terra.
[- E eles estão a gostar?
[- Ainda vou no começo, mas pelo menos estão atentos.
[- A bonecada e o filme ajudam…
[- Sim, hoje o áudio e o visual fazem parte indissociável das nossas rotinas. Mas também quero crer que lhes dou interesse pelo modo como lhes conto a Criação.
[- Sem dúvida e sem ofensa, mas a projecção ajuda muito.
[- Eu sei, até a mim que gosto tanto da matéria. Mas deixa-me dizer-te que a música escolhida também colabora para o agrado de todos.
[- Oh! Sim, definitivamente sim. É como o som da locução, o que não é audível perde metade do interesse]
- A força da luz promove outras formas de vida que se desenvolvem mais rapidamente com a água e o oxigénio. Ou seja, são formas adaptadas a estas necessidades para a sua evolução. Pois que, como é evidente, cada forma de vida tem necessidades próprias.
As que existem em minas, por exemplo, não resistem à luz nem a demasiado oxigénio. Há inúmeros seres, todos diferentes e semelhantes - se considerarmos que coexistem no Universo. Ou que o Universo é habitado por milhões de seres diferentes conforme a condição que têm para viver.
Assim como há milhões de formas de vida e outros tantas em adaptação e transformação graduais. A cada dia, a ciência nos dá provas disto. Algumas pessoas já o sabem antes da ciência o provar.
- Ahh! Tens a certeza?
- Que esperas por resposta?
.
.
.

Macropinna mircostoma - Peixe transparente
(Os olhos estão dentro da cabeça. Os dois orifícios à frente, são órgãos olfactivos)
Imagem retirada da net

.
.

Disse  Blaise Pascal:  Tudo o que é incompreensível, nem por isso deixa de existir !
.
.
29
Dez08

Divagações

eva
O avião passa entre as nuvens sem as atravessar.
As nuvens são enormes e formam uma plataforma em baixo e outra por cima de nós. Por vezes forma-se uma abertura e a luz do Sol invade essa entrada.
É tão forte que o espaço parece alargar-se para a luz e adquirir outras formas maiores.
Entretanto, todo o espaço das nuvens está iluminadíssimo e ficamos na dúvida se são de neve, ou de algodão, ou de outro material desconhecido.
De tanto olharmos essa imensidão branca ela parece mexer-se e renovar-se de formas. Parece, inclusive, que outras formas se movem no meio delas e apetece sair do avião – assim, simplesmente – e ir ao seu encontro.
- Acho que são alucinações, isso sim!
- Pois, também me parece, mas estão tão ali à mão, que apetece interpelar os outros passageiros e saber deles se também vêem, nas nuvens, tudo aquilo que se me afigura. Ahhh!
- Que foi?
- Saímos das nuvens.
- E então?
- Ora, então o céu é azul e a terra lá em baixo é castanha com casinhas!
.
.
.
Imagem retirada da net
.
.
Disse Henry Wadsworth Longfellow:  O céu está cheio de estrelas, invisíveis de dia !
.
.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema

ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2006
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D