Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. Um modo de viver

. A cada um a sua medida

. Desentendimentos

. Confusão

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links


Quarta-feira, 20 de Julho de 2011

Um modo de viver

bvio, confuso.

Quantas vezes o mais óbvio é o que menos se entende.

E a confusão aloja-se nas ideias não permitindo a sua organização em pensamentos e reflexões lúcidas.

Quantas vezes nem percebemos o que está mesmo à nossa frente.

Mas observamos detalhadamente um ou outro pormenor.

Quantas vezes não entendemos o que este, ou aquele, querem efectivamente dizer no meio de tanta conversa que falam.

Muitas vezes conversas a metro e de horas, animadas que sejam, podem resolver-se em minutos de conclusão útil.

Perceber, ver, entender além das aparências…

Apanhar o cerne das coisas que nos acontecem, que acontecem por esse mundo fora.

E depois, com a lucidez da simplicidade e sentimentos de paz seguir o caminho que surge à nossa frente, cheio de luz, com amor fraterno e paz no coração.

É, também, um modo de viver.


publicado por eva às 21:43

link do post | comentar | favorito

Sábado, 18 de Julho de 2009

A cada um a sua medida

Nunca tinha visto os pés assim, ao contrário. Os dedos são gordos e muito redondinhos. As unhas estão muito bem aparadas e perfaziam o resto do desenho.
Nesta óptica, os pés eram… humm… bem… eram diferentes.
Afinal, todo o peso do corpo assenta neles – pobres coitados – e a maior parte das pessoas nem um olhar lhes dirige, apesar de serem bonitos.
- Se começássemos a ver o corpo a partir dos pés…
- Se calhar, todos encontrávamos coisas nunca vistas!
- Ah Ah! No mínimo!
- Vamos hoje à feira?
- Aí está outra coisa que deve ser engraçada ver de baixo para cima.
- O ano passado até telemóveis se perderam nos solavancos dos carrinhos, aviões, rodas, etc., das diversões.
- Pudera! Com tanta volta e reviravolta…
- Sabias que nalguns casos nem deixam levar os chinelos para as viagens?
- Não, mas tem jeito de ser, sim senhor!
- Tudo aquilo é uma confusão e até uma aflição para mim, que nem tento ir naquelas voltas.
- Também é mais confuso para quem fica a olhar. Lá, apertados com os cintos não parece tão perigoso.
- Para mim, são riscos desnecessários e não são, de todo, brincadeira.
- Mas outros gostam do risco, da velocidade e das emoções que conseguem sentir com tudo isso e, ainda, com a vantagem de estar junto dos amigos.
- Pois, para cada um a sua medida.
.

.

.
Imagem retirada da net
.
.
Disse  Pe. António Vieira:  Das obras grandes ou pequenas, das acções generosas ou vis, cada um traz na própria cabeça a verdadeira medida !
.
.

publicado por eva às 22:09

link do post | comentar | favorito

Sábado, 30 de Maio de 2009

Desentendimentos

Confusões e mal-entendidos. Amuos e desentendimentos graves.
- Oiço vozes!
- Não vejo ninguém!
- Não são dessas vozes. São as da minha cabeça. São as que me explicam o que devo fazer e dizem o que há-de vir.
- E tu ligas importância ou vais tratar-te?
- Tento analisá-las e só as atendo no que acho acertado. Também são vozes diferentes. Umas dizem um género de coisas, outras falam de outros assuntos. Mas, às vezes, é difícil fazê-las calar e tornam-se cansativas.
- Porquê? Não é como desligar ou ligar um botão? Não é só tomar um calmante ou ir dormir e esperar que passe?
- Nada disso, são até inoportunas. Posso estar a falar com alguém e começar um zumbido que não me deixa ouvir nada do que esse está a falar. Ou então oiço observações sobre ele.
- E não te cansa?
- Deixa a cabeça de rastos, pois!
- Que fazes nesses casos?
- A atitude é sempre o tratamento dessa informação. Primeiro analisa-se o teor e a voz das mensagens. Depois, conforme o sentido é pejorativo ou para ridicularizar, ou outro de género negativo, assim deve ser a transferência dessa informação para o sentido contrário. Porém, se o teor é construtivo podem envidar-se esforços para seguir as atitudes preconizadas, sempre depois de analisadas com cuidado.
- Afinal, isso é como a voz da consciência dos desenhos animados ou filmes que se vêem por aí?
- Semelhante, se quisermos colocar assim a questão.
.

.
.

Pinóquio e a Fada Azul
Imagem retirada da net
.
.
Disse Albert Einstein: É bem possível que por detrás das nossas percepções mentais, se ocultem mundos inteiros, dos quais não temos noção !
.

publicado por eva às 00:25

link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 25 de Março de 2008

Confusão

O corpo, por vezes, dá a sensação de não ser nada, de não valer nada!
Não se trata de doer aqui ou ali, trata-se de ser um mal-estar geral.
Daqueles mal-sentir que nem se sabe se é do corpo ou do ar que o rodeia, ou do sofá, ou do quarto...
É um arfar descoroçoado sem ser falta de ar. É uma confusão mental em que não se distingue o sonho do pesadelo. E se abrir os olhos, pior, porque afinal está ali mesmo, onde já estava há uma hora atrás... Onde estava desde o almoço... Exactamente ali!
- Adormeceu?
- Eu? Não! Porque haveria de ter adormecido? Não tenho os olhos abertos?
- Agora tem, mas há bocadinho não tinha. Trouxe uma manta para não lhe arrefecerem as pernas.
- Ah, pois está melhor, está! Obrigado!
.
.
 .
Henri Rousseau
.
.
Disse Platão : Mau, na verdade, é o amante vulgar que prefere o corpo ao espírito, pois o seu amor não é duradouro por não se dirigir àquilo que perdura !
.
.

publicado por eva às 20:48

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito


. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds