Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escritos de Eva

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Escritos de Eva

14
Mai10

Haja saúde

eva

- stou há bastante tempo à espera… pois!... disso tudo – que te despaches, que chegues e, finalmente, que possamos seguir viagem.

- Viagem para onde?

- Sim, é só mudar de bairro, mas é uma viagem. Apenas não referi se era grande ou pequena. A viagem é uma disposição da pessoa em mudar de ambiente… 

- Bem, mesmo sendo pequena de trajecto, pode ser enorme para quem sai de casa, sobretudo se não tem condições físicas para o fazer.

- Sim, pois… sem condições mentais é pior, ou mau na mesma, sei lá!

- Não há dúvida que viver numa ilusão torna essa ilusão igual ou ainda mais sentida e agudizada do que a realidade.

- A loucura? Oh! Mas a quantidade que anda aí convencida de uma realidade que não é o que está a viver... e ainda considera que está bom da cabeça.

- Bem, também há desses, há – os que acham os outros piores que eles e que são uns incompreendidos.

- O que, bem vistas as coisas, até é verdade serem incompreendidos, porque os outros também os julgam como se estivessem bons de cabeça. Mentalmente sãos!

- Talvez… afinal quem pode vangloriar-se de estar vivendo realmente tudo por que passa?

- Não vale entrar em dramatismos. A cada um os seus pensamentos e atitudes perante a realidade que lhe assiste a sua mente.

- E haja saúde!

 

20
Out07

Trabalho

eva
- Quero trabalhar.
- Ou queres um emprego?
- Não, não (risos), quero mesmo trabalhar.
- Hum… e já foste ao médico?
- Oh… se foi ele mesmo que disse.
- Ahhh!
- Não ahhh, nada! Eu perguntei se podia, que já estou com mais energias, tenho contas a pagar e tenho demasiado tempo livre.
- Está bem, está bem! E queres trabalhar em quê?
- Era disso que queria falar-te…
- Ai, ai! Não arranjo nada. Desculpa mas se tenho um empregado, vai-se embora a loja.
- O quê?
- É assim, é. Não há capacidade de negócio para a capacidade de negociação dos sindicatos. E não quero trabalhadores em condições ilegais. Pronto! Já disse tudo! Sou pobre mas honesta. Trabalho quase noite e dia mas só tenho a responsabilidade do meu ordenado, e quando tenho de prescindir dele um mês ou outro, faço-o e, até hoje, tenho recuperado bem.
- Eu diria muito bem.
- Pois, mas "sai do lombo".
- Mas se achas que vale a pena…
- Ah, isso sim. Trabalho no que gosto e não arranjo discussões patrão-empregado. Em contrapartida, trabalho constantemente. Dou apoio à família, pago as dívidas, ainda dá para umas fériazitas fora daqui… e estou ocupada todo o tempo. Creio – estou convictamente convencida disso – que o meu trabalho, na sua humildade, também contribui para o bem-estar dos outros. Portanto… acho bem que vás trabalhar. E não desistas de encontrar o que queres p
ara teu bem e dos outros. 
.

 

.
.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema

ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2006
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D