Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escritos de Eva

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

Escritos de Eva

25
Fev10

Paisagens

eva

s corredores a princípio são escuros, mas se nos afoitarmos e munirmos de uma luz, um archote que ilumine o nosso caminhar chegamos confortavelmente ao nosso destino, sem sequer tropeçar.

Depois de percorrer metade da extensão de alguns corredores começa a vislumbrar-se uma luz ténue.
É pela perseverança que chegamos ao fim e damos de caras com uma luz tão esplendorosa quanto forte, que nos leva a fechar os olhos de imediato.
Timidamente recomeçamos a olhar e observar em redor. Observamos então um lago branco.
- Branco?
- Sim, branco. Esquisito?
- Muito. Nunca vi, ou seria branco pela impressão da água rasa?
- Não sei porque não se via água nenhuma, mas vapores e no meio deles desenhava-se uma passagem com chão de ferro. Aliás uma armação lindíssima, como as de ferro trabalhado. A questão é que esta passagem não tinha a cor do ferro, mas tal parecia pela sua consistência.
- Era de que cor?
- Era dourado e podia pisar-se com segurança para passar ao outro lado. Depois seguíamos até encontrar pleno céu aberto e um dia cheio de Sol, com todo o calor que irradia em dias quentes. Uma brisa acordava-nos da aventura e, à vista, desenhava-se agora uma enorme construção em pedra, com arcos, ogivas e chão todo em pedra trabalhada linearmente, portanto em formas rectilíneas.
- Era belo?
- Era lindíssimo e constituía o nosso refúgio naquelas alturas, porque estávamos no cimo de um monte, com uma paisagem deslumbrante de céu e mar muito azuis.
- E depois?
- Depois regressámos às nossas vidinhas, com a esperança de poder fazê-las brilhar de modo parecido – em arte, fortaleza, espaço, arejamento e beleza brilhante… mas com a consciência que será muito difícil.
- Mas não impossível?
- Pois, impossível não, apenas muito difícil!
 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema

ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2006
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D