Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. Pensar diferente

. Tudo vibra e ressoa mais ...

. Pensares e dizeres

. Atividades

. Ações e pensamentos

. O eu

. As opções de vida para ca...

. Às vezes basta um bem-int...

. No silêncio de ti saberás...

. Vive!

. Poder de vida

. A vida também é um proces...

. Meditação e equilíbrio e ...

. Flores da mente

. Egozinho

. O belo em nós

. Todos os dias construímos...

. A luz da consciência

. O som do silêncio

. Virgindade

. Questões kármicas

. A correria da vida

. Actores das nossas vidas

. A auto-disciplina

. Ambientes

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links


Terça-feira, 6 de Novembro de 2012

Pensar diferente

- u’ é isso da consagração?

- Referes-te a…?

- Refiro-me a essa história da consagração dos corações.

- Não sei do que falas, sinto muito.

- Sabes sim! Falo da que citam como consagração do coração… hum… deixa ver se me lembro de mais… ah, sim! Da consagração do coração de Nossa Senhora… coitada!

- Coitada?!

- Sim, se era mulher séria não pode ser de todos nós, não é assim?

- É um modo de dizer…

- Pois será, mas se eu fosse ela não gostaria nada, nada, nadinha de nada.

- Bom, voltando ao assunto, acho que já percebi a pergunta. Trata-se de compaixão pelos outros, por tudo, a ponto de interceder por todos nós. Daí, aliás, o tal Nossa Senhora.

- Esquisito, digo eu. Então se devemos melhorar-nos a nós, sem nada pedir em troca pois que essa atitude, só por si, já indicia evolução, e isso é muito bom para nós… então… para quê pedir e esperar a intercessão de alguém que já foi boa na vida que teve. Além de que sofrimento não lhe faltou, pois ver um filho sofrer assim é pior que sofrer a própria mãe…

- Olha… sabes que mais… acho que tu e todos os outros que pensam diferente têm todos o seu quinhão de razão nos seus pensamentos e…

- E…

- E vou embora que tenho mais que fazer. Fica com os teus pensamentos que eu sigo com os meus, que bom trabalho me dão…


publicado por eva às 00:35

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Segunda-feira, 1 de Outubro de 2012

Tudo vibra e ressoa mais além

udo vibra e ressoa mais além

Dos sons melodiosos aos pensamentos

Dos ruídos às estratégias

Tudo vibra e ressoa mais além

Da natureza ao universo

Da planta ao animal

Do mineral à célula

Tudo vibra e ressoa mais além

Das ideias ao raciocínio

Dos pensamentos ao modo de pensar

Tudo vibra e ressoa mais além

Muito além da nossa imaginação e sonho

Muito além da esperança

Tudo vibra e ressoa mais além…


publicado por eva às 00:32

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Segunda-feira, 24 de Setembro de 2012

Pensares e dizeres

ensares são

A nuvem, o nevoeiro que se vê

Dizeres são

O que digo, dizes, dizem

Tanto esforço

No inútil

Tanto relaxe

No consciente

Pensares e dizeres são

O que somos

E se não quisermos

Ser mais nada

Seremos assim por demais

Pensares e dizeres

São o que são no mundo maior…


publicado por eva às 00:37

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Quinta-feira, 5 de Julho de 2012

Atividades

̶  ais?

̶  Vou?

̶  Que sabes tu?

̶  De que falamos?

̶  De nada!

̶  Vamos então trabalhar!

̶  Onde?

̶  No que pudermos… porque o trabalho pode gerar dignidade…

̶  Desespero, depressão ou dignidade?

̶  Que dizes?!  Os pensamentos podem destruir ou constituir uma mente melhorada…

̶  Dizes tu

̶  Sim!


publicado por eva às 00:33

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2012

Ações e pensamentos

s ações são geralmente reflexo dos pensamentos que vamos tendo.

E se não os podemos executar no modo físico, iremos executá-los no modo etérico e outros mais sublimes.

O contrário também se aplica. Isto é, se somos influenciados diretamente no etérico, ou há uma maior vontade nossa em algo que difere da realidade, essa vai prevalecer no modo que puder manifestar-se.

Se não se concretiza de modo material, vai realizar-se noutro e adquirir aspeto de rebeldia, zanga, violência ou amargura, depressão, humilhação no modo físico.

Atenção pois à coerência do ser em si-mesmo.

- Este é o tema para desenvolverem em trabalho de grupo.

- Tão fácil, não é?

- Não sei se será assim tão fácil. Por exemplo, como vais comprovar tudo isso de modo a que os mais incrédulos percebam?

- Ora, fica a cargo da dita coerência de cada um por si próprio.

- Humm…


publicado por eva às 00:30

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2012

O eu

ós somos o conjunto de nossas crenças, infantilidades, filosofias e religiões.

A personalidade emerge do profundo-eu de antanho e assimila rapidamente novos valores através do conhecimento racional, do sentir repetido e da emoção irracional.

Somos isso tudo e muito, muito mais.

Será tão mais útil entendermo-nos como aprendermos a guiar-nos nesse enovelado pessoal que vamos somando sem descanso nem paragem.

Será benéfico arranjar espaço mental, para renovar e arejar ideias e preconceções de nós em nós mesmos.

A Paz florescerá então em nossos corações e promoverá a Paz em nossa mente.

Pensamentos positivos se alicerçarão na personalidade.

Outro eu mais feliz assumirá o controlo da dádiva de vida que temos para viver.

A vida poderá ser vivenciada de modo mais pesado, ou mais leve, conforme a capacidade de apreensão que dela tivermos.

A felicidade gera-se no íntimo de nós mesmos, sem dependência exterior.

E chama-se vulgarmente a felicidade do silêncio, ou do presente, em nós mesmos.


publicado por eva às 00:30

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Segunda-feira, 21 de Novembro de 2011

As opções de vida para cada ser

uitas são as opções de vida para cada ser.

Muitas são também as opções de morte.

E muitas mais as opções que o seu livre-arbítrio desenvolver.

Tudo será útil.

Tudo será benéfico a prazos mais curtos ou mais dilatados.

- O que importa, então?

- Importa que as opções sejam instadas e realizadas por bons pensamentos.

- Importa a boa índole, queres dizer.

- Exactamente.


publicado por eva às 00:45

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Terça-feira, 25 de Outubro de 2011

Às vezes basta um bem-intencionado

abituamo-nos a passar as feridas por água.

A deixar que tudo se lave, a permitir a regeneração.

Mas nem sempre lembramos o planeta e suas feridas.

Nem sempre percebemos o alcance dos buracos na camada magnética do planeta.

Essa camada protectora de tudo o que nos pode atingir do espaço sideral.

Desde as radiações solares aos corpos mais ou menos inertes.

Nem sempre queremos ouvir que os buracos já se alargaram para fendas de largura considerável.

Nem sempre queremos ouvir os apelos de auxílio. Ou de socorro…

Nem sempre queremos ser heróis.

Antes esperamos que tudo se dilua e passe adiante…

São modos de viver, até de sobreviver.

Talvez alguns tenham possibilidade de pensar bem, produzir atmosferas individuais de bons pensamentos.

E, juntos por maioria, poderemos conseguir atmosferas mais globais e globalizantes que ajudem com suas boas energias a, de algum modo, inspirar a regeneração do planeta. Da nossa Casa da casa em que vivemos.

Às vezes basta um bem-intencionado na multidão para mudar o mundo e promover a regeneração.

Bem hajam os bem-aventurados…


publicado por eva às 15:14

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Segunda-feira, 26 de Setembro de 2011

No silêncio de ti saberás falar

uem és tu para falar?

Quem serás, se ainda escreves sem analisar nem pensar?

Se sentencias sem projectar o bem para outros, que fazes tu por ti mesmo?

Nada és?

Desse nada só podes evoluir se assim o pretenderes.

Renascendo de ti mesmo, das agruras como das alegrias…

Reacendendo em ti a luz da esperança por todos, pensando em ti como em todos…

Aprendendo que cada um é uma parcela do global, que interagimos intrinsecamente uns com os outros.

Do Sol à folha, do insecto ao elefante, do mar à gota de água…

Tudo interage reciprocamente.

Causando horror e paz, medos e bem-estar.

Urge entender, transferir, apaziguar os corações e as mentes.

Perceber as emoções, pensamentos e sentimentos.

Encontrar o meio – da sensatez, da calma, do caminhar em frente.

E no silêncio de ti saberás falar.

Sem meios saberás escrever universalmente.

Das sentenças sobrará pedagogia para outros que começam a entender…

Que a harmonia é paz, que a humildade é abnegação.

Que todos têm um trilho apropriado ao encontro com caminhos luminosos além da imaginação.

Que no íntimo de cada um existe um centro de pureza que ilusão alguma pode alterar, mas pode iluminar todo o ser e mais além. 


publicado por eva às 23:37

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Terça-feira, 20 de Setembro de 2011

Vive!

ive!

Conforme achares correcto

Conforme discernires o caminho

Dentre os caminhos que percebes

Com o melhor coração dos corações

Com o melhor de ti nas mãos

Com a melhor palavra

Que lembrares de pronunciar

A melhor vibração

De pensamento

Que conseguires implementar

Traduz

Na mais agradável atitude

O gesto bem-aventurado

O desprendimento

E uma Luz te eleva então

A planos nem sonhados

Onde a tua luz assemelhará outras

E outras

Onde a luz de ser

É pura Luz.


publicado por eva às 00:33

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
 O que é? |  O que é?


. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds