Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. Esta viagem chegou ao fim

. Tranquilidade e paz

. A cada um suas escolhas

. Quando os elementos se en...

. Ficar só

. Caminhos

. Ajudas

. Conviver

. Violetas

. Outro tipo de império pos...

. Famílias

. Modos de ver

. Há dias assim

. Emoções e relações

. Simbolismos

. Tudo tem importância

. Hábitos e mudanças

. Juventude em viver

. Olhares

. Dúvidas e perguntas

. Fátima, lugar de devoção

. Coisas bonitas que alegra...

. Estudantes e queima das f...

. O nosso planeta reflete o...

. Como as flores

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links

Quinta-feira, 31 de Março de 2011

Bens

bem maior que posso ter agora é um barco!

- E já viste os que estão ali no molhe? São lindos!

- Gosto especialmente daquele ali todo envidraçado.

- Vejo, vejo. Então e este aqui, o azul?

- É muito pequeno e eu estou a pensar num estilo assim de veleiro…

- Ah! Como ali, aquele?

- Sim, sim. Bem, se calhar maiorzinho…

- Ainda maior?

- Daqui parece grande mas no meio do mar deve ser uma casquinha…

- Bem. Casquinha deverão ser todos senão afundam-se.

- Oh! Tu sabes o que quero dizer.

- Então e tu, que achas?

- Acho que prefiro espreguiçar na areia sem responsabilidades dessas.

- Quais?

- Pagar taxas, manutenção, combustível – que nem sei qual será – e esfregar…

- Esfregar?

- Pois, não necessita limpeza?

- Ah! Então, mas se tivesse dinheiro para o barco também teria para o mandar limpar.

- Essa é boa!

- Que tem? Sonhar não faz mal.

- Isso são mais que sonhos, então nós nem temos emprego, nem uma tenda para proteger dos frios, nada!

- Por isso – temos a necessidade de sonhar!

- Eu tenho é necessidade de melhorar a minha vida, isso sim. E realmente, não em sonhos.

- A cada um…

 

tags: , ,

publicado por eva às 00:35

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Quarta-feira, 30 de Março de 2011

Aceitar a vida e viver melhor

sonho de todos é melhorar, seja de modo de vida, seja a si mesmo sentindo-se feliz

Sentindo felicidade a todos os instantes.

Será que procuram o bem-estar social?

Ou o político?

Será que pretendem o bem-estar que a saúde traz?

Será que procuram mais, como a fama, reconhecimento pelos outros do seu valor?

Será que é a paz íntima o que procuram?

Será algo, com certeza, que os fará sentir-se felizes.

Resta saber o que é isso, pois para cada indivíduo há uma projecção diferente dos valores da felicidade.

Seja como for, todo indivíduo procura sentir-se feliz, mesmo que isso nem seja nítido na sua mente.

Porque tal é um dos objectivos intrínsecos da vida e a depressão, a tristeza, sobrevêm quando esse estado não é alcançado há muito tempo.

Ainda há alguns que dizem que estão tristes e nem sabem porque causa, pois tudo lhes corre de feição.

Estar feliz é ser feliz com o que se tem. E o que se tem é a si próprio.

- Ohh! Mas isso é pouquíssimo, eu nem sou nada de jeito…

- A si próprio intimamente, em qualidades e virtudes.

- E isso serve para quê? Dá-me um carro novo, ou outra máquina de…?

- Serve o bem-estar que nada nem ninguém pode tirar. Serve para estar em paz consigo mesmo e com o mundo. Serve para ter paz no olhar, nas palavras, nos gestos, no coração. Serve para aceitar a vida e o que ela traz de novo a cada dia. Serve para viver melhor.

- Ohhh!

 


publicado por eva às 00:30

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Terça-feira, 29 de Março de 2011

Colorações

anta cor

Tudo branco

Tantos matizes

Tudo brilhante

Tanto rosa

Tudo branco

Tanto azul e amarelo

Tudo branco

Tanto lilás e esmeralda

Tudo branco

São bordados tão belos

São trabalhos por bem

São acções angelicais

Tudo belo e brilhante

Tudo branco.

 


publicado por eva às 00:38

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
 O que é? |  O que é?

Segunda-feira, 28 de Março de 2011

Auto-conhecimento

- lha o Sol!

- Faz mal olhar o Sol.

- Olha que dia lindo, céu azul, sol brilhante…

- Que tem? É um dia igual aos outros…

- Pois ontem estava enevoado e eu gosto tanto dos dias ensolarados que nos outros até a minha cabeça fica enevoada.

- Essa é boa!

- Pois fica, fica! Os pensamentos nem desenvolvem ideias criativas.

- Mas que grande desculpa!

- Ai, ai! É assim mesmo como te digo. Tenho como que uma necessidade de Sol.

- Então deves gostar muito de praia! Porque não escolheste uma profissão dessas, aquáticas?

- Nem por isso, a praia tem Sol a mais, isto é, tem a quentura excessiva de que eu não gosto. Gosto de temperatura amena.

- Sim senhor! Não tens mais nenhum gosto desses na manga, não?

- Não sei que disse de mal. A maioria das pessoas é assim, apenas se conformam e calam.

- Se calhar nem têm fôlego para pensar em si mesmas…

- Vais ver e é isso mesmo. Tão simples, afinal!

- O quê? Perdi-me!

- Ninguém pensa no que gostaria de ter ou ser por muito tempo.

- E isso importa?

- Dava para se conhecerem, pelo menos.

- Ah! Isso!

 


publicado por eva às 00:35

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Domingo, 27 de Março de 2011

É para ti mesmo tudo o que fazes

ê um mar de intenções

Sê um oceano de virtudes

Sê o melhor de ti

Em cada ocasião

Em cada vicissitude

A cada instante

E serás o melhor para ti

É para ti mesmo

Tudo o que fazes

Confusão a tua

Se pensas que é para outros

Se cogitas que respondes

Se achas que reages a outrem

E a pretensos poderes

Alheios anseios

Tudo o que pensas

E fazes

É a ti mesmo que o fazes

Cuida bem do que és.

 


publicado por eva às 00:30

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Sábado, 26 de Março de 2011

Porto seguro

- inalmente cheguei a casa. Pensei que não era capaz.

- Havia muito trânsito?

- Havia de tudo – trânsito, acidentes, gente enlouquecida, gente aflita para ir buscar os filhos ou para irem tratar dos doentes a tempo, enfim uma atrapalhação geral.

- Mas há direitos dos trabalhadores…

- Evidentemente, mas são os que trabalham por conta doutrem, porque os que trabalham por conta própria, recebendo ou não dinheiro pelo seu trabalho, eram precisamente os que iam e vinham em grande aflição.

- Isso faz parte das sociedades evoluídas.

- Hã? Bem, cheguei e vou deitar mais cedo porque não posso com as pernas nem os pés. Além de estar enervadíssima.

- Pensa que chegaste a porto seguro e que feliz de ti que tens um porto onde te refugiares.

- Ah! Lá isso… Que pensar dessas pobres gentes que ficaram sem família, casa, tudo e nada no momento seguinte.

- Então como vês tens tudo para ser feliz.

- Pois tenho! Temos tendência para avaliar mal o que temos. Ainda bem que estás aqui… e podemos ligar o aquecimento para melhorar, não podemos?

- Ahh, voltamos ao mesmo!

 


publicado por eva às 00:33

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Sexta-feira, 25 de Março de 2011

Os outros

- stás a olhar para onde?

- P’ra ali, não vês?

- Vejo as montras, a pastelaria e as pessoas que podem andar bem porque o passeio é largo e os pitons não deixam os carros entrar. Até as crianças podem gozar o espaço do passeio e sentir-se um pouco mais libertas para correr.

- Mas eu estou a ver os outros e a sua vida.

- Também eu!

- Então vês como uns parecem andar sem rumo, outros fixados em rotinas que continuam a cumprir porque foi aquilo a que cingiram os seus dias, e os outros que os observam e tentam ir ajudá-los?

- Bem, vejo as crianças a brincar e adultos com elas, outros a passear ou apressados para chegarem algum sítio.

- Exactamente!

- Estamos a ver a mesma coisa?

- Acho que sim, talvez por perspectivas algo diferentes.

- Estás é a olhar para sítio diferente…

- Estou a observar, já te disse. Observar a nós com os outros…

- Será isso, será!

 


publicado por eva às 00:36

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
 O que é? |  O que é?

Quinta-feira, 24 de Março de 2011

O bem-fazer

uvem-se os latidos e os uivos. Ouvem-se os miados e os cacarejos, piados, mais todos os sons presentes nas quintas.

- Uff, nem consegui dormir! Eram os sons da noite e pareceram ser logo em seguida os sons da manhã. Uff!

- Para quem não está habituado pode estranhar, sim, pois pode. Mas depois verá que gosta…

- Acha? Entre o medo e o torpor da noite mal dormida estou em fanicos.

- Não se preocupe que com o pequeno-almoço que preparei vai ficar fino.

- Acha? Parece que nem consigo mexer-me…

- Vai tudo passar! Nunca ouviu dizer que não há mal que sempre dure nem bem que perdure?

- Já, ohh, já sim!

- Então, agora já está tudo a gosto?

- Agora estou mais aconchegado de estômago, lá isso estou. Bem, vamos ao trabalho que me trouxe aqui.

- Está pronto para partir? Olhe leve isto para os seus, talvez eles gostem.

- Se têm o sabor da comida daqui, gostam com certeza.

- Sabe que a comida já não é tão caseira como possa pensar mas os ares e a água, principalmente, ajudam a que se mantenha o bom sabor nos produtos.

- E o bem-fazer, o carinho! O carinho que pomos naquilo que fazemos também enaltece as qualidades. O bem-fazer ultrapassa todo o resto. E alguns dos químicos são boas soluções. Em tudo há ambivalência de mau e bom, dependendo sobretudo da intenção, ou das virtudes dos intervenientes.

 


publicado por eva às 00:34

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Quarta-feira, 23 de Março de 2011

Duvidar

uvidar

Perguntar

Calar e introspectivar

Duvidar

Estabelece críticas

Ilusões e desilusões

Tantas que ao conhecer

Se duvide outra vez

Questionar então

Sabendo que determinado ponto

É o ponto do retorno

O ponto zero

Saber reconhecer

O conhecimento sábio

Já é a sabedoria procurada.

 


publicado por eva às 00:30

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Terça-feira, 22 de Março de 2011

Crer

rer. Acreditar que existe algo mais que esta vida que vivemos.

Desejar que exista algo melhor, desejar merecer algo mais…

São crenças que fazem parte do nosso íntimo.

São as crenças deste tipo que diluem um vazio que doutro modo se instalaria tão facilmente em nós mesmos.

- E as crenças serão correctas?

- Há um número infindável de coisas que não percebemos… E isso também facilita para deixar espaço a que todo o desagradável possa ter uma interpretação melhor do que aquela que tão-somente poderíamos dar.

- Então… e quando acontece o que nos é agradável?

- Aí ninguém precisa de crenças ou explicações e vão gozar o que gostam de gozar.

- Prazenteiramente?

- Simplesmente, sim.

- Então, qual é a necessidade das crenças? Apenas compensar tristezas?

- Elas justificam tudo o que, para muitos, não tem explicação lógica. Por exemplo, ouvimos nas notícias, ou sabemos, de inúmeras descobertas científicas e avançadas conclusões sobre isto ou aquilo e que se tornaram possíveis em virtude de novas tecnologias, observações mais apuradas, melhores equipas para o estudo ainda mais especializado, etc. Ora, todos compreendem que estava tudo lá mas as condicionantes anteriores não permitiram a resolução agora apresentada e…

- E as crenças de que algo superintende estes tempos de resolução…

- Emergem especialmente para os que são sensíveis ao sobrenatural.

- Será tudo uma questão de sensibilidade?

- Tudo? Talvez o tudo seja apenas relativo para nós aqui neste pequeno planeta de um Universo ainda desconhecido.

- Então conhecemos o quê? Tudo?

- Quase nada!

 


publicado por eva às 00:38

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds