Eva diz o que sonha (e não só) sem alinhamento a políticas ou crenças conformes às instituições que conhecemos. Momentos de leveza, felicidade ou inspiração para melhorar cada dia com bons pensamentos. Um texto, uma imagem... para todas as idades

. posts recentes

. Esta viagem chegou ao fim

. Tranquilidade e paz

. A cada um suas escolhas

. Quando os elementos se en...

. Ficar só

. Caminhos

. Ajudas

. Conviver

. Violetas

. Outro tipo de império pos...

. Famílias

. Modos de ver

. Há dias assim

. Emoções e relações

. Simbolismos

. Tudo tem importância

. Hábitos e mudanças

. Juventude em viver

. Olhares

. Dúvidas e perguntas

. Fátima, lugar de devoção

. Coisas bonitas que alegra...

. Estudantes e queima das f...

. O nosso planeta reflete o...

. Como as flores

. arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. links

Sexta-feira, 31 de Julho de 2009

Círculos viciosos

Culpas e desculpas.
- Diz-me qual é para ti o mais responsável – aquele que provoca prejuízo aos outros e a si mesmo sabendo e escolhendo o que faz ou aquele que inadvertidamente faz os mesmos estragos?
- Os segundos costumam desculpar-se – é isso?
- Nestes casos, não percebem mesmo o que provocam, inclusive o nível para onde resvalam, nem as companhias que granjeiam.
- Acho que consideraria mais responsáveis dos seus actos os primeiros.
- Mas supõe que os segundos vão repetindo as mesmas atitudes durante anos…
- Formando círculos viciosos?
- Exactamente!
- Digamos que tenho mais pena dos segundos, mas essa tal persistência leva-me a concluir que ambos os casos têm graves responsabilidades.
- Mesmo que a ignorância esteja inerente aos segundos?
- Sim, porque os resultados e os prejuízos equivalem. Que dizes?
- Que sobre o assunto há as mais diversas opiniões!
.
.
.

Imagem retirada da net

.
.

Disse  Nikki Giovanni:  Equívocos são um facto da vida; o que importa é como se reage ao erro !
.
.

publicado por eva às 22:57

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Quinta-feira, 30 de Julho de 2009

Devaneios

Hoje é um novo dia para organizar mais planos.
Por outras palavras, dia de refazer planos anteriores, que não resultaram.
São as adaptações constantes às nossas necessidades, com os problemas de não se saber se as novas escolhas serão melhores.
Será novamente o tempo a reflectir os resultados.
Porém, os planos continuam a ser pensados e repensados nos mínimos pormenores.
- Eu não estou a planear nada, estou a ver desenhos de cruzes páteas, as dos Templários, em chamas que não queimam e suspensas nos ares. Por vezes formam-se cilindros, ou tubos de luz, com elas. São lindíssimas e mantêm-se suspensas com toda a espécie de energias coloridas em redor. Desde o azul-turquesa ao rosa claro ou rosa bebé.
- E isso que tem a ver com o resto?
- Nada de nada! Porquê essa confusão?
- Por nada, ora!
- Tal qual era!

.
.

.
Imagem retirada da net
.
.
Disse  Kwantsu:  Quem planeia a curto prazo deve plantar cereais: quem planeia a médio prazo deve plantar árvores; quem planeia a longo prazo deve educar homens !
.
.

publicado por eva às 13:56

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?

Quarta-feira, 29 de Julho de 2009

Brincadeiras

- Se todos nos entreajudarmos vamos conseguir com certeza…
E todos deram as mãozitas e fizeram a rodinha do costume, cantarolando esta e outras canções, mais que sabidas e decoradas.
Decoradas a ponto de acordarem a cantar sozinhos.
Muitos, assim que acordavam, já davam pulos na cama enquanto os pais os iam vestindo, entre os pulos e os escorregas instantâneos pelo colchão e pela roupa da cama.
Viviam uma época feliz de suas vidas, da sua infância privilegiada.
Era Verão e o bom tempo reclamava brincadeiras ao ar livre.
- Ao ar livre? Hoje em dia essas brincadeiras não existem! Hoje são os jogos de consola e outros electrónicos do género – individuais e de jogar fechados em casa.
- É verdade, mas estes tinham outra sorte e outra iniciativa.
- Faziam desportos radicais para manter os valores de adrenalina?
- Não, brincavam simplesmente, como nós em criança.
- Na rua? Formando grupo nos becos sem saída?
- Que ideia! Pensa com simplicidade que, concordo, é mais difícil descortinar. Mas ainda existe e existirá sempre quem consiga passar entre os pingos da chuva sem se molhar.
.
.

.
Imagem retirada da net
.
.
Disse  Khalil Gibran:  Protegei-me da sabedoria que não chora, da filosofia que não ri e da grandeza que não se inclina perante as crianças !
.
.

publicado por eva às 20:14

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Terça-feira, 28 de Julho de 2009

A perseverança ajuda

Datas que são para desleixar, datas que são comemorativas.
Datas para esquecer e datas para lembrar.
Os dias passam e o cansaço, muitas vezes, vence.
Num desses dias foi dado observar que, em determinada região, os circuitos iluminaram uma parte e outros ficaram às escuras, naquela cor cinza característica da penumbra-escuridão.
Alguém veio, de mãos bem treinadas, e estabeleceu outros circuitos que permitissem a ligação e passagem da energia da parte acesa para a escura.
A princípio nada de novo.
Então procedeu-se a outra operação. E mais outra. E outra.
Passou mais tempo e finalmente os elos ligaram as duas secções, que puderam estabelecer as energias.
Mas a passagem era lenta e a transmissão quase nula.
Passado mais algum tempo aflorou a esperada luz e… alastrou como uma estrada, como um nascer do Sol – foi iluminando tudo até à base.
- Qual base?
- A base da plataforma, naquele nível.
- Então?
- Então, a perseverança ajuda.
.
.


Imagem retirada da net

.
.

Disse  Conan Doyle:  Nenhuma corrente é mais forte do que o seu elo mais fraco !
.
.

publicado por eva às 22:07

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
 O que é? |  O que é?

Segunda-feira, 27 de Julho de 2009

Condição

Lucidez e discernimento – geralmente, não há!
Isto é, há o suficiente, um pouco, para as coisas mundanas.
Mas a lucidez das memórias…
O discernimento de saber exactamente o que fazemos no plano consciente, no subconsciente, e o que fica registado no subconsciente… pouquíssimos sabem.
Faz parte da nossa condição, faz parte da secção do nosso conhecimento esse desconhecimento.
Se calhar faz parte da nossa simplicidade em querer ser feliz com as poucas coisas que nos aparecem à frente, a cada dia.
Talvez seja condição da nossa evolução.
- Mas dá vontade de saber mais, não dá?
- Se não for em situação forçada… se não for por metodologias esforçadas… ou seja, se for por conhecimento natural…
- Por merecimento?
- Merecimento moral e virtuoso – pode ser!
.
.

.
O Orloj de Praga - relógio astronómico datado de 1410

Imagem retirada da net

.
.

Disse Pablo Neruda: Algum dia, em qualquer parte, em qualquer lugar, indefectivelmente te encontrarás a ti mesmo e essa, só essa, pode ser a mais feliz ou a mais amarga das tuas horas !

.


publicado por eva às 22:44

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?

Domingo, 26 de Julho de 2009

Os nossos filhos

A melhor coisa que podemos fazer pelos nossos filhos é trabalhar conscientemente para lhes servirmos de modelo. Ensiná-los através do nosso exemplo, pois assim lembrar-se-ão e até tentarão imitar-nos.
Diante da minha secretária, está pendurado um poema num pergaminho branco emoldurado. Por baixo das palavras «Autor Desconhecido» colei, logo depois de ele nascer, uma pequena fotografia de Matt. É possível que o leitor queira dobrar a ponta desta página para a ler no futuro:
 

Ao Pai De Qualquer Menino


Há olhos pequeninos que estão postos em si e o observam dia e noite,
Há pequenas orelhitas que captam rapidamente tudo o que diz,
Há pequenas mãozinhas ansiosas por fazer tudo o que você faz,
E um rapazinho que sonha com o dia em que será como você.

É você o herói do pequenito, é o mais sábio dos sábios,
No seu pequeno cérebro nunca surgem suspeitas sobre si.
Ele acredita com devoção em si, tudo o que disser e fizer,
à sua maneira ele dirá e fará, quando for crescido, como você.
Há um pequenito de olhos grandes que pensa que você está sempre certo,
Tem os ouvidos sempre alerta e observa-o dia e noite,
Todos os dias, você constitui um exemplo em tudo o que faz
Para o rapazinho que está à espera de crescer
E ser como você. 

.

.
in "A Melhor Maneira de Viver"
de Og Mandino
.
. 
Disse  Og Mandino:  Para além de orientar os filhos através dos exemplos, não há muito que possamos fazer por eles a não ser estar por perto para os levantar do chão sempre que caírem ! 
.

.


publicado por eva às 13:12

link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
 O que é? |  O que é?

Sábado, 25 de Julho de 2009

Pandemia

Pandemia – há palavras, mais ou menos novas e que são geradas para melhor designarem as situações mais específicas.
Esta palavra está a ser reutilizada em virtude da previsão sobre o alastramento do novo surto de gripe.
Os conselhos de higiene são os mesmos da hepatite e são os que sempre deveriam ser respeitados individualmente como preceitos de higiene individual e social.
Nestas relações de dignidade e respeito mútuos a higiene surge com a predominância esperada.
Porém, os que se dedicam a estudos espiritualistas garantem que cada um tem na vida e na morte aquilo a que acordou sobre si próprio antes de reencarnar. E que esse conjunto de situações pode ser constantemente alterado, ou melhorado, por mérito.
Por outras palavras cada um tem na vida aquilo que merece!
Se assim é, não há nada a temer porque já está tudo predito.
No entanto, ser limpo dá boa aparência e, pelo menos essa, depende – na maior parte dos casos – do próprio com toda a facilidade.
.
.

.
Imagem retirada da net
.
.
Disse  Josh Billings:  Há muitas pessoas no mundo que passam tanto tempo a cuidar da saúde que nem têm tempo para a apreciar !
.
.

publicado por eva às 23:52

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Sexta-feira, 24 de Julho de 2009

Fugas

Tanta complicação, tanta aflição e tantos problemas.
Apetece fugir, ou dormir e, ao acordar, pensar que talvez tivesse sido tudo um sonho.
- É a coragem que falta?
- Ou são os sonhos em que se sonham que são os sonhos longínquos.
- Ou próximos, porque às vezes sonhamos o que aí vem…
- Pois, pois. Quantas vezes é precisamente através dos sonhos que ganhamos coragem.
- São as forças que faltam?
- Não sei… sei que são dias, épocas da nossa vida em que ora queremos fugir ora encontramos forças para enfrentar tudo e todos.
- Isso depende muito se é apenas por nós ou por nós e os nossos mais queridos.
- Pois, pois. Por esses fazemos o que nem parece possível. Não medimos nada e atiramo-nos ao labor.
- Atiramo-nos ao abismo por amor, será assim?
- Saltamos os abismos, quererás dizer.
- Agora sou eu que digo: pois, pois!
.
.
.

Susana Bonnet - Abismo
Imagem retirada da net

.
.

Disse Jeremy Irons: Todos temos as nossas máquinas do tempo. Algumas levam-nos ao passado, chamamos-lhes recordações. Outras levam-nos ao futuro, chamamos-lhes sonhos !
.
.

publicado por eva às 20:12

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

Quinta-feira, 23 de Julho de 2009

Desapego

Ela estava mal. Ia pelos ares e as tonturas eram muitas.
Tonturas pela preocupação de tudo o que a prendia.
Tonturas pelas necessidades dos outros que queria defender.
Tonturas pelas vontades de outros.
Tonturas porque não podia ir para tão longe e deixar para trás aqueles que lhe parecia precisarem dela.
Bem os ouvia, naquelas vozes ao longe e que, ao mesmo tempo, lhe seguravam nas mãos dianteiras, ali mesmo.
Bem os ouvia dizer para largar tudo, para não se preocupar mais.
Mas não podia, não conseguia! Tudo tão lindo… mas o seu olhar volvia atrás.
Tudo tão maravilhosos mas… e os outros, não poderia ir buscá-los e trazê-los para ali?
A todos? Aos que necessitavam de descanso e aos que não os deixavam em paz? A todos sem distinção?
Como fazer então? Como sentir assim esse desapego?
A mãe veio ajudá-la e ela então aquietou. E dormiu deitada nas pétalas das rosas amarelas como uma abelhinha.
- Tal qual era!
.
.


.

Gustav Klimt - Mãe e filho
Imagem retirada da net
.
.
Disse Victor Hugo: Os braços de uma mãe são feitos de ternura e neles os filhos dormem serenamente !
.
.

publicado por eva às 22:40

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
 O que é? |  O que é?

Quarta-feira, 22 de Julho de 2009

Transformações

Dias de transformações sociais e económico-financeiras.
Novos modos de ver as coisas, os negócios, as actividades, o trabalho.
Renovados modos de ver o sistema agrícola e o sistema familiar de trabalho e ganhos.
Pequenas manufacturas e indústrias em renovados modos de subsistência.
Os nossos avós passaram, e ultrapassaram, guerras entre a penúria e o conforto.
O tempo social, o tecnológico e o científico estão num corre-corre e nós temos que os acompanhar.
Não quer dizer que temos de correr, mas quer dizer que temos que nos deixar das rotinas confortáveis que organizámos. Porque nada é o mesmo no dia a seguir.
A violência aumenta. O desagrado geral idem. As doenças mudam as suas características constantemente.
As chuvas, as nuvens - tudo é composto de mudança…
Temos que respirar fundo e seguir em frente criando espaço mental para a mudança sem traumas, mas tornando-nos desejosos de alcançar as novas ordens da vida.
As nossas vidas são para serem vividas o melhor possível e com o melhor de nós.
O Amor e a Humildade devem fazer prevalecer a sua presença em prol da paz interior individual, familiar e social.
.

.
.
Gary Braasch
Imagem retirada da net
.
.
Disse  Luís de Camões:  Todo o mundo é composto de mudança, Tomando sempre novas qualidades !
.
.

publicado por eva às 23:32

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?

. ESCRITOS de EVA

Bem vindos! Namastê!

. Reflexão

Aquilo que pensas ser o cume é apenas mais um degrau - Séneca

. mais sobre mim

. Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


. pesquisar

 

. links

. Alguns favoritos (mais em Ver Perfil)

. A Casa do Passal - Cabana...

. Aristides de Sousa Mendes...

. Maria João Brito de Sousa...

. Sophia de Mello Breyner A...

. Mercedes Sosa

. Jalal Rumi # A evolução d...

. Cecília Meireles # A arte...

. Cecília Meireles # Cântic...

. Teilhard de Chardin # O M...

. Natália Correia # Ó Véspe...

. tags

. todas as tags

. Simpatias recebidas

@@@@@@@@@@@@@@@ Campanha da Amizade, amizade de Aida Nuno @@@@@@@@@@@@@@@ É um blog muito bom, sim senhora! , amizade de Coffee Cup @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Dardos, amizade de Lady Magenta, poetaporkedeusker, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Blog de Ouro, amizade de poetaporkedeusker, Maria José Rijo, Velucia @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Magic Blog, amizade de Maria José Rijo @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Seu Blog tem Néctar, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Mimo Samoga, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Prémio Medalha de Ouro, amizade de poetaporkedeusker @@@@@@@@@@@@@@@ Selo Best Blog, amizade de Alice Alfazema
blogs SAPO

. subscrever feeds